Google
 
Web calcioseriea.blogspot.com

sábado, agosto 29, 2009

O Jogo Da TV (Parte I) - Milan x Internazionale



De volta aos seus lugares! Se na 1ª giornata o Milan conseguiu uma boa vitória como visitante enquanto a Inter apenas empatou no Giuseppe Meazza contra o neopromosso Bari, a acachapante vitória nerazzurra no Derby della Madonnina deste sábado mostrou que, visto os resultados da pré-temporada, a rodada anterior foi mesmo atípica.
A goleada interista também evidenciou que a equipe de Leonardo ainda é um gruppo allo sbando e que o brasileiro ainda tem muito o que aprender em seu novo mister, vez que levou um banho de Mourinho.
Aliás, o português surpreendeu, lançando desde o início o experiente capitano Zanetti e a novidade Sneijder (acima marcado por Pirlo - Pennicino) no meio de campo, enquanto de resto confirmou a defesa com Lúcio e Samuel na zaga e Chivu como terzino sinistro, tendo Milito e Eto'o na frente.
No Milan, Leonardo confirmou o time que venceu em Siena, postando Ronaldinho como fantasista dietro a Pato e Borriello.
Bola rolando, os quase 80.000 presentes viram a partida começar em ritmo muito elevado, com Milito realizando a primeira conclusão a gol logo aos 2', mas coube mesmo a Sneijder protagonizar o primeiro lance de efetivo perigo, apresentando seu cartão de visitas a Storari aos 6' com um perigoso chute à distância, plasticamente defendido pelo arqueiro rossonero.
Depois, foi a vez do Milan chegar com perigo, com Pato arrancando pela esquerda e cruzando para Ronaldinho (ao lado marcado por Chivu - Getty Images) aos 13', que concluiu por cima do gol de Júlio César e reclamou de uma chegada mais forte do sérvio Stankovic.
O time de Milanello continuou mais lúcido, mas foi a Inter que abriu o marcador, em grande jogada que começou com Zanetti, passou por Thiago Motta, Eto'o e Milito, que devolveu deliciosamente para seu ex companheiro de Genoa chutar no canto oposto de Storari - Inter 1 x 0 aos 29'!
O Milan acusou o golpe e, aos 35', Maicon lançou Eto'o que, velozmente, entrou na área perseguido por Gattuso que, sem outra alternativa, cometeu pênalti e levou o cartão amarelo do árbitro Rizzoli.
Na cobrança do rigore, Milito converteu para ampliar a vantagem nerazzurra disparando um chute central e seco, mas alto.
E aí os problemas do Milan ficaram mais evidentes: Gattuso, que já havia sentido um problema físico, pediu então para ser substituído, com Leonardo mandando Seedorf se aquecer - mas o holandês estava sem camisa e meias, só de shorts no banco de reservas!
Enquanto o ex di turno, calmamente, se preparava para entrar em campo, Ringhio resolveu parar Sneijder em pleno círculo central com um ... carrinho, não sobrando outra alternativa para Rizzoli senão expulsar o capitão rossonero, que saiu de campo soltando cobras e lagartos.
Com um homem a menos, o Milan ainda sofreu o terceiro gol antes de ir para o intervalo, com Maicon completando tabelinha com Milito (acima o grande destaque do jogo, na ocasião antecipado por Jankulovski, um dos piores em campo - Pennicino).
No 2º tempo, Leonardo voltou com Seedorf no lugar de Flamini e Ambrosini no de Borriello, mas a história do jogo não mudou muito (a Inter virou com 60,0% de posse de bola e terminou a partida com 60,2%, só sofrendo ligeira alteração o quesito vantaggio territoriale, que tinha a Inter com 51,59% no intervalo e acabou com vantagem rossonera de 53,79%), embora o ritmo tenha diminuído consideravelmente.
Ainda assim, as melhores chances estiveram com o time comandado por Mourinho, com Sneijder assustando Storari aos 10' com mais um chute de fora da área e Stankovic, esse sim, ampliando para 4 x 0 em mais um tirambaço de média distância, indefensável para o goleiro milanista (vale a pena conferir todos os gols nos highlights ao final do post).
No final, espaço para a estréia de Huntelaar, vaias para o Milan e aplausos para Sneijder, "un'ulteriore conseguenza del mercato mirato dell'Inter che urla a squarciagola la sua potenza", nos dizeres da Gazzetta dello Sport.
O tabellino (na foto acima, o placar estampado no Giuseppe Meazza - Villa):
Milan: Storari; Zambrotta, Nesta, Thiago Silva, Jankulovski; Gattuso, Pirlo, Flamini (46' Seedorf), Ronaldinho (64' Huntelaar); Pato, Borriello. All. Leonardo.
Inter: Júlio César; Maicon, Lúcio, Samuel, Chivu; Zanetti, Stankovic, Thiago Motta (60' Muntari), Sneijder (74' Vieira); Milito (79' Balotelli), Eto'o. All. Mourinho.
Gols: 29' Thiago Motta, 36' Milito (pênalti), 46' Maicon, 67' Stankovic.
Árbitro: Rizzoli.
Cartões amarelos: Flamini, Samuel, Gattuso e Chivu.
Cartão vermelho: Gattuso.

video

Marcadores: , , , ,

Na Última Vez ...

Match Clou - 2ª Rodada 2009/2010



O clássico da cidade de Milão, conhecido como Derby della Madonnina e um dos jogos mais aguardados de toda a temporada, será disputado já neste sábado e, obviamente, é o 'Match Clou' desta 2ª giornata.
Depois da estréia vitoriosa (vide http://calcioseriea.blogspot.com/2009/08/o-jogo-da-tv-parte-ii-siena-x-milan.html), o técnico Leonardo deve repetir l'undici que começou jogando no último sábado, distribuindo o 4-3-1-2 com Storari (abaixo - Villa) no gol e Zambrotta, Nesta, Thiago Silva e Jankulovski na defesa.
O meio de campo deve ter uma linha de três formada por Gattuso, Pirlo e Flamini, com o brasiliano Ronaldinho um pouco mais à frente, tendo a incumbência de servir os atacantes Pato (mais abaixo, à esquerda - Getty Images -, autor de uma doppietta no jogo inicial) e Borriello.
No banco rossonero, uma das opções deve ser o avante Huntelaar, que poderá fazer sua estréia no Calcio.
A Internazionale, que tropeçou em sua estréia contra o neopromosso Bari no resultado mais surpreendente da 1ª giornata, deverá começar também no 4-3-1-2, mas Mourinho deve proceder a algumas alterações.
Com Júlio César confirmado na meta, o setor defensivo deverá ter Maicon, Lúcio e as novidades Samuel e Chivu.
No centrocampo, o francês Vieira deverá dar lugar ao ala Santon (foto abaixo - Getty Images), que terá a companhia de Stankovic, Thiago Motta e Muntari.
Na frente, Milito e Eto'o devem ser confirmados.
A maior novidade do time nerazzurro, porém, deve aparecer no banco, já que o holandês Sneijder, recém contratado junto ao Real Madrid, deve ser uma das opções do Special One para o decorrer da partida.
No campeonato italiano disputado a girone unico, a história desse especialíssimo confronto começou no dia 10 de novembro de 1929, na 6ª rodada da temporada 1929/1930, com o sucesso nerazzurro por 2 x 1.
Desde então, ocorreram outros 74 embates com o mando de campo do Milan, com ligeira vantagem para a Beneamata, que venceu 28 vezes, empatou 22 e perdeu 25, inclusive o derradeiro, decidido por Ronaldinho (confira em http://calcioseriea.blogspot.com/2008/09/o-jogo-da-tv-parte-iv-milan-x.html).
Em matéria de gols, a Inter também leva uma pequena vantagem, com 106 marcados contra 97 sofridos.
Se servir de alento para os tifosi rossoneri, em termos individuais, o recordista do cotejo é Paolo Maldini, que jogou 21 vezes contra os cugini, embora tenha vencido em apenas 6 ocasiões, com 8 empates e 7 derrotas.
Já a artilharia é dividida por Giuseppe Meazza e José Altafini, ambos com 7 gols marcados no Derby, o primeiro sempre com a camisa nerazzurra e o segundo com a rossonera.
Para completar o panorama desse imperdível cotejo, se a última vitória do Milan aconteceu na temporada passada, a da Inter remonta a stagione 2006/2007, quando Crespo (I), Stankovic (I), Ibrahimovic (I), Seedorf (M), Materazzi (I), Gilardino (M) e Kaká (M) construíram o 4 x 3 final.
Que mais um belo capítulo seja redigido neste sábado!

Marcadores: , , , ,

Na Última Vez ...

L'Enigma - Le Scomesse


Roma e Juventus, duas gigantes do Calcio, que chegaram a monopolizar o futebol italiano nos primeiros anos da década de 1980 (ao lado, um momento do jogo disputado em 06 de março de 1983, com Falcão sentado no gramado - Guerin Sportivo), fazem o jogo objeto da 'L'Enigma' desta semana.
E, embora a partida vá se realizar na capital italiana, a maioria dos amigos do Calcio Serie A aposta em um sucesso bianconero - vamos aos palpites consignados: 0 x 0 - Mafra; 0 x 1 - Tiago; 1 x 0 - Cyntia; 1 x 1 - Sérgio André; 0 x 2 - Raphael Zerlottini; 1 x 2 - Guilherme Siqueira; 2 x 1 - Michel Costa; 2 x 2 - Leonardo Redenção; 0 x 3 - Alcindo; 1 x 3 - JP; 2 x 3 - Lucas e 3 x 3 - Pai.
Boa sorte a todos e que seja um ótimo jogo!

Marcadores:

Na Última Vez ...

sexta-feira, agosto 28, 2009

Rodada da Serie A é imperdível!


A 2ª rodada da Serie A 2009/2010, que será disputada no próximo final de semana, será tão espetacular que um encontro do quilate de Roma x Juventus sequer é o 'Match Clou' da giornata.
Tal primazia, aliás, cabe ao Derby della Madonnina, o clássico da cidade de Milão, que ocorrerá no sábado e terá transmissão, ao vivo, da ESPN, RAI, TV Esporte Interativo e Rede Gazeta a partir das 15h45, horário de Brasília.
Para quem quiser aquecer, a rodada começa um pouco mais cedo, com Bari x Bologna às 13h00 (sempre horário de Brasília), que terá cobertura da SporTV e RAI.
No domingo, um pouco diferente do habitual, mas como na rodada passada, haverá uma partida deferida para às 13h00 e as demais serão realizadas a partir das 15h45.
E, mamma mia, o jogo que abrirá la domenica será Roma x Juventus, que poderá ser assistido na ESPN Brasil, SporTV, RAI ou Rede Cultura.
A Lupa, que estreou perdendo para o Genoa na Serie A, vem embalada pela classificação para a fase de grupos da Europa League com duas incríveis goleadas por 7 x 1, com seu capitano Totti (acima - Roth) já tendo anotado 10 gols na temporada (em apenas 5 jogos!).
Pelo lado bianconero, que começou o campeonato vencendo o Chievo por um magro 1 x 0 (vide http://calcioseriea.blogspot.com/2009/08/o-jogo-da-tv-parte-iv-juventus-x-chievo.html), Ferrara deve promover a estréia do brasiliano Felipe Melo, bem como contar com Diego assistindo ao duo Amauri-Iaquinta.
Um pouco mais tarde, precisamente às 15h45, o trabalho vai ser escolher entre Fiorentina x Palermo (RAI) e Napoli x Livorno (TV Esporte Interativo).
Outra partida que promete ser bastante interessante é o cotejo Parma x Catania, que marcará o retorno de um jogo da Serie A ao Ennio Tardini, onde Guidolin deverá lançar um ataque bastante jovem formado pelos rápidos Biabiany (ao lado - Parma) e Paloschi.
No Luigi Ferraris, Pazzini e Cassano devem ser os atacantes escolhidos por Del Neri para encarar a Udinese do trio Pepe, Di Natale e Floro Flores.
Completam a rodada: Atalanta x Genoa; Cagliari x Siena e Chievo x Lazio.
Um ótimo final de semana para todos!

quinta-feira, agosto 27, 2009

A Itália Na Europa


Poker! Todos os quatro times italianos que brigavam para chegar a fase de grupos das competições européias alcançaram seus objetivos.
Nesta quarta, a Fiorentina sofreu, mas conseguiu assegurar seu ingresso, pelo 2º ano consecutivo, alla fase a gironi da UEFA Champions League, empatando em 1 x 1 com o português Sporting no Artemio Franchi.
A classificação foi sofrida porque, dispersa, a Fiorentina chegou a estar em desvantagem no placar, indo para o intervalo perdendo por 1 x 0, tento do português João Moutinho cobrando falta (acima - Getty Images) cometida por Montolivo em Djaló.
Mas, no 2º tempo, não só pela alteração tática proposta por Prandelli, que colocou o fantasista Jovetic no posto do ala Gobbi, mas principalmente pela maior determinação, a Fiorentina foi bastante superior aos Leões e alcançou o empate aos 9', com o próprio Jovetic, que aproveitou um rebote della difesa ospite para, depois de passar por Pedro Silva, vencer o arqueiro Rui Patrício.
O jogo continuou com a Fiorentina melhor e as ocasiões se sucederam também para o Sporting, mas o placar de 1 x 1 foi suficiente para levar a Viola adiante, forte no pareggio de 2 x 2 obtido no Alvalade.
Mas bonito mesmo fez a Roma, que, depois de empatar em 3 x 3 com o Kosice na Eslováquia, resolveu repetir o feito da fase precedente da Europa League - quando fez 7 x 1 no Gent, e igualou o incrível placar, desta vez jogando no Olimpico.
A Lupa não teve realmente qualquer problema contra o time comandado por Jan Kozak e já aos 18' do 1º tempo venciar por ... 5 x 0, tentos de Totti (2), Guberti, Cerci (acima perseguido por Dobias - Getty Images) e Menez.
Antes do intervalo, o atacante Novak, que havia realizado uma doppietta no jogo de ida, ainda descontou para os visitantes, mas na 2ª etapa o norueguês Riise e novamente Totti, que fez seu 34º gol em competições européias, sacramentaram o placar final.
Já a Lazio não teve a mesma competência, mas acabou classificada mesmo perdendo por 1 x 0 para o sueco Elfsborg, vez que havia vencido o jogo de ida por 3 x 0.
Ballardini, que promoveu um pequeno turn-over, lançando Radu como lateral esquerdo e Meghni (ao lado em ação - Ap) dietro le punte, com Matuzalem mais recuado, ao lado de Brocchi e Baronio, culpou o gramado sintético como a principal razão da 1ª derrota laziale na temporada, totalmente indolore.
Por fim, o Genoa também assegurou sua presença no group stage da Europa League nesta quinta-feira ao empatar em 1 x 1 com o Odense no Fiona Park.
Mesmo sem Crespo, que sentiu um problema muscular durante o aquecimento para a partida, o time comandado por Gasperini, forti del successo dell'andata, controlou bem a equipe adversária e, embora tenha sofrido um gol nos acréscimos da 1ª etapa (autogol do argentino Figueroa, mattatore dell'andata - acima contra o camaronês Djemba-Djemba - Tanopress), empatou logo no início do 2º tempo com Criscito e voltou a ditar o ritmo da partida, que ainda teve o veterano Helveg em ação nos últimos minutos.
Agora, é aguardar o que as urnas de Montecarlo, que amanhã definirão os grupos tanto da Champions quanto da Europa League, reservarão aos italianos!

Marcadores: , ,

Na Última Vez ...

quarta-feira, agosto 26, 2009

L'Enigma


Em um começo de campeonato repleto de clássicos, a 2ª giornata da Serie A 2009/2010 reserva, nada menos, que Milan x Internazionale no sábado e Roma x Juventus no domingo!
Se o Derby di Milano é o 'Match Clou' da rodada, o encontro que será jogado no Olimpico é objeto da 'L'Enigma', que quer saber como vai terminar o sensacional cotejo?
Para relembrar, no campeonato passado, vitória da Juventus por 4 x 1 (vide http://calcioseriea.blogspot.com/2009/03/o-jogo-da-tv-parte-ii-roma-x-juventus.html) na estréia, desde o início, do brasiliano Filipe (na foto acima entre Salihamidzic e Tiago - Reuters).
E agora, como vai ser no domingo?
Com o ponto somado pelo Raphael Zerlottini na última semana, a classificação atualizada do III Desafio Calcio Serie A está assim: 1º JP (4 pts); 2º Leonardo Mafra e Raphael Zerlottini (3); 4º Michel Costa (2) e 5º Lucas, Marra e Sérgio André (1).
Portanto, todos ainda têm chances!

Marcadores:

Na Última Vez ...

segunda-feira, agosto 24, 2009

'B' Em Pílulas


* Começou a 78ª edição da Serie B, o campionato cadetto 2009/2010, que teve seu primeiro gol anotado aos 14' do cotejo Lecce x Ancona pelo francês Baclet;
* No Via del Mare, a partida terminou com o placar de 3 x 0 para a equipe giallorossa, com Baclet anotando outro antes que Lepore definisse o marcador;
* Outro favorito que começou com um placar dilatado foi o Torino, que fez 3 x 0 no Grosseto fora de casa, gols do retornato Di Michele (ao lado em ação - Torino) e doppietta de Bianchi;
* Brescia e Empoli, outras duas agremiações bastante cotadas, também venceram - no Rigamonti o zagueiro Bega fez o único gol da partida, enquanto Lodi e o brasileiro Eder contruíram a vitória no Carlo Castellani;
* A Reggina, do técnico Novellino e reforçada por Bonazzoli, Buscè e Volpi, fechou a rodada inaugural vencendo o Cesena do arqueiro Antonioli fora de casa por 1 x 0, tento do jovem Viola quase no finalzinho;
* Bernacci, do Ascoli, foi o jogador que mais chutou a gol na estréia da Serie B, arrematando 8 vezes contra o gol protegido pelo esloveno Koprivec, mas o time bianconero não passou de um empate em 1 x 1 contra o esordiente Gallipoli treinado por ... Giuseppe Giannini!

Marcadores:

Na Última Vez ...

Panorama Da Rodada


Começou a stagione 2009/2010 da Serie A e, logo na 1ª rodada, foram marcados 24 gols (média de 2,4 por partida) e aconteceu a primeira surpresa, o pareggio da Inter contra o Bari em pleno Giuseppe Meazza (vide http://calcioseriea.blogspot.com/2009/11/o-jogo-da-tv-parte-iii.html).
Revés maior sofreu a Roma, que perdeu para o promettente Genoa por 3 x 2 em partida rica de emoções.
Depois de um 1º tempo movimentado, mas sem gols, na 2ª etapa o lateral Criscito, recém entrado, abriu o marcador logo aos 4', com o brasileiro Taddei respondendo aos 9'.
A Roma, mesmo com vários desfalques, chegou a virada com seu capitano Totti, mas sucumbiu diante de um Grifone espetacular, que atacou principalmente pelas extremidades com os treni Rossi-Palacio e Criscito-Sculli, tendo o espanhol Zapater (acima cobrando a falta que resultou no segundo empate - Getty Images) e o zagueiro Biava completado o marcador.
Melhor sorte teve a outra romana, a Lazio, que fez 1 x 0 na Atalanta treinada por seu ex zagueiro Gregucci, gol do atacante Rocchi aos 22' do 1º tempo.
Já o 'Match Clou' Palermo x Napoli terminou com a vitória rosanera por 2 x 1, apesar do squadrone azzurro ter jogado muito melhor no 1º tempo, quando não conseguiu transformar as oportunidades em gol e ainda acabou sofrendo um do uruguaio Cavani no finalzinho, que colocou o time comandado por Zenga em vantagem.
Na 2ª etapa, o Napoli, mesmo não reeditando a boa atuação do 1º tempo, chegou ao empate com Hamsik, mas logo no minuto seguinte o colombiano Zuñiga cometeu pênalti em Cavani, que Miccoli (acima marcado por Contini - Ap) converteu para dar números finais a peleja.
Ainda na Sicília, o mesmo placar se deu no Angelo Massimino, mas foram os visitantes que saíram felizes, com a Sampdoria vencendo o Catania por 2 x 1, gols de Pazzini e Morimoto no 1º tempo e do zagueiro Gastaldello já nos acréscimos.
Muito emocionante foi também Udinese x Parma, terminada 2 x 2 no retorno da equipe crociata à Serie A, que esteve em vantagem no placar por duas ocasiões, com Paloschi (ao lado contra o suíço Inler - Getty Images) e Alessandro Lucarelli, mas em ambas teve sua vantagem anulada com tentos de Di Natale.
Com esses gols, o atacante friulano igualou-se ao brasileiro Pato, autor de uma doppietta na vitória do Milan sobre o Siena (http://calcioseriea.blogspot.com/2009/08/o-jogo-da-tv-parte-ii-siena-x-milan.html).
Completaram a rodada a vitória da Juventus sobre o Chievo, o empate de Bologna x Fiorentina (partidas acompanhadas pela 'O Jogo Da TV') e o 0 x 0 da Livorno x Cagliari.
Os recordmen della giornata, segundo o DigitalSoccer Project da Panini, foram os seguintes: Palle recuperate: 1º Portanova (Bologna) e Yepes (Chievo) 31; 3º Ficagna (Siena) e Silvestre (Catania) 30; Passaggi riusciti: 1º Thiago Motta (Inter) 69; 2º Pirlo (Milan) 68; 3º Garics (Atalanta) 59; Assist: 1º Pizarro (Roma) e Ronaldinho (Milan) 4; 3º Bergvold (Livorno), Diego (Juventus), Eto'o (Inter), Garics (Atalanta) e Luciano (Chievo) 3; Tiri: 1º Di Natale (Udinese) 6; 2º Alvarez (Bari), Diamanti (Livorno), Osvaldo (Bologna), Pato (Milan), Pulzetti (Livorno) e Ronaldinho (Milan) 5.
Já a classificação da Serie A está assim: 1º Genoa (3 pts); 2º Milan (3); 3º Palermo (3); 4º Sampdoria (3); 5º Juventus (3); 6º Lazio (3); 7º Parma (1); 8º Udinese (1); 9º Bari (1); 10º Bologna (1); 11º Fiorentina (1); 12º Internazionale (1); 13º Cagliari (1); 14º Livorno (1); 15º Roma (0); 16º Catania (0); 17º Napoli (0); 18º Siena (0); 19º Atalanta (0) e 20º Chievo (0).

Marcadores: , ,

Na Última Vez ...

domingo, agosto 23, 2009

O Jogo Da TV (Parte IV) - Juventus x Chievo



Meritato, ma sofferto o sucesso bianconero na estréia da Serie A 2009/2010 contra um bom Chievo.
Sem Del Piero, Ferrara optou por lançar Amauri e Iaquinta no ataque, com o deb Diego (abaixo marcado por Rigoni - Getty Images) dietro le punte, tendo ainda Cannavaro formando a zaga com Chiellini e Salihamidzic postado na lateral esquerda.
Já o Chievo entrou em campo distribuído no tradicional 4-4-2, com Di Carlo não trazendo nenhuma novidade em relação ao time da última temporada, apostando na velocidade de Pellissier para explorar os contra-ataques (vale lembrar que o atacante nascido em Aosta marcou uma tripletta contra a Vecchia Signora no campeonato passado).
Mais disposta a atacar, a Juventus, com Diego em evidência, chegou ao gol aos 11', com Iaquinta completando de cabeça (abaixo - Ap) uma cobrança de falta realizada por Diego, que ele mesmo havia sofrido.
O time clivense tentou responder imediatamente, com Pellissier descendo pelo flanco esquerdo, mas foi a Juventus que esteve mais perto de marcar, com Iaquinta exigindo grande defesa de Sorrentino em cruzamento de Amauri aos 26'.
A partir daí, sem sofrer grandes riscos, a Juve controlou a partida até o intervalo, de onde o Chievo voltou disposto a tentar o empate, com Pellissier perigoso em pelo menos duas ocasiões até os 10'.
Depois, foi a vez da Juventus, com De Ceglie no posto de Salihamidzic, voltar a ser perigosa, com Amauri (abaixo disputando a bola com o também brasileiro Luciano - Reuters), servido por Diego, acertar a trave aos 12'.
A partida seguiu mais equilibrada que no 1º tempo, mas o Chievo não foi capaz de conseguir o empate, com a Juventus ainda promovendo a estréia do jovem Marrone, centrocampista de apenas 19 anos.
O tabellino:
Juventus: Buffon; Grygera, Cannavaro, Chiellini, Salihamidzic (46' De Ceglie); Tiago (74' Marrone), Poulsen, Marchisio, Diego (87' Camoranesi); Amauri, Iaquinta. All. Ferrara.
Chievo: Sorrentino; Frey, Morero, Yepes, Mantovani; Luciano, Rigoni, Marcolini (66' Bentivoglio), Pinzi (84' De Paula); Bogdani (71' Granoche), Pellissier. All. Di Carlo.
Gol: 11' Iaquinta (que pode ser visto nos highlights abaixo).
Árbitro: Gava.
Cartões amarelos: Rigoni, Poulsen, Pinzi, Cannavaro e Marrone.

video

Marcadores: , , , ,

Na Última Vez ...

O Jogo Da TV (Parte III) - Internazionale x Bari



Um ano depois de sua estréia contra a Samp em Gênova (vide http://calcioseriea.blogspot.com/2008/08/o-jogo-da-tv-parte-i-sampdoria-x.html), Mourinho voltou apenas a empatar na 1ª rodada da Serie A, desta vez contra o neo promosso Bari.
Considerando que os Galletti viveram uma pré-temporada conturbada, que resultou na saída do allenatore Conte, e diante da expectativa das estréias de Lúcio, Thiago Motta, Eto'o (abaixo contra o meia De Vezze - Reuters) e Milito, o resultado de 1 x 1 acabou decepcionando os mais de 50.000 torcedores nerazzurri presentes ao Giuseppe Meazza.
Proposta inicialmente no 4-4-2, com Zanetti como terzino sinistro e Vieira e Thiago Motta como centrais di centrocampo, a Inter, muito lenta, criou poucas chances concretas de gol no 1º tempo, tanto que levou o Special One a, aproveitando lesão sofrida por Muntari, passar a equipe ao 4-3-3, inserindo Balotelli na extrema direita, deixando Milito mais central e Eto'o largo a sinistra.
Já o Bari, disposto por Ventura no mesmo 4-4-2, começou muito mais consistente do que esperado, com destaque para o miolo de zaga formado pelos jovens Ranocchia e Bonucci e pelos meias De Vezze, Gazzi e Allegretti, este último, não obstante os 31 anos e uma carreira quase toda transcorrida no campionato cadetto, muito bem figurando como fantasista.
Para a 2ª etapa, Mourinho foi ainda mais audacioso, trocando a lentidão de Vieira pela classe de Quaresma (ao lado, assustado com o duelo De Vezze-Thiago Motta - Getty Images), passando a Beneamata para o 4-2-4!
Aí, aos 11', após pênalti marcado pelo árbitro Russo de Bonucci em Milito, Eto'o marcou seu primeiro gol italiano para colocar a Inter em vantagem.
Em seguida, Ventura sacou Allegretti e Sforzini para colocar os esterni Langella e Rivas, evidenciando a disposição de insistir pelas extremidades do campo.
O camaronês Eto'o teve a chance de ampliar aos 22', mas depois o jogo ficou dramático para o time de Moratti, que sofreu o empate aos 29', com o bielorrusso Kutuzov, abandonado na área, aproveitando passe de Langella para concluir na saída de Júlio César (abaixo a bola indo para o fundo das redes - Ap).
A Inter tentou um forcing finale, mas foi o Bari que esteve mais próximo de marcar mais uma vez e realizar um colpo clamoroso, especialmente quando o esordiente argentino Rivas chutou por cima da meta defendida por Júlio César já em pleno recupero.
Tudo somado, o empate acabou justo, especialmente para o valoroso time pugliese.
O tabellino:
Inter: Júlio César; Maicon, Lúcio, Materazzi (61' Cordoba), Zanetti; Muntari (29' Balotelli), Vieira (46' Quaresma), Thiago Motta, Stankovic; Milito, Eto'o. All. Mourinho.
Bari: Gillet; A. Masiello, Ranocchia, Bonucci, Parisi; Alvarez, De Vezze, Gazzi (94' Stellini), Allegretti (57' Langella); Kutuzov, Sforzini (60' Rivas). All. Ventura.
Gols: 56' Eto'o (pênalti), 74' Kutuzov.
Árbitro: Russo.
Cartões amarelos: Vieira, Materazzi, Langella, A. Masiello e Stankovic.
Abaixo, highlights e ainda entrevistas com Mourinho, Ventura e Eto'o.

video

Marcadores: , , , ,

Na Última Vez ...

Quem Vem Lá (Parte II) - Alberto Zapater


Disposto a reeditar o colpo Thiago Motta, o Genoa foi buscar na própria Espanha o substituto do brasileiro recentemente cedido à Internazionale.
Contratado por cerca de € 4 milhões, Alberto Zapater não deve se intimidar com a incumbência, vez que, além de um ótimo passe, este espanhol de 24 anos tem como principal característica a forte personalidade, tanto que era o capitão do Zaragoza (à direita - Los Blanquillos), clube no qual foi formado e onde Preziosi foi buscar outra de suas apostas recentes, o argentino Milito.
Eleito o mejor juvenil aragonés em 2004, Zapater começou como meia ofensivo, mas desde que se profissionalizou, por obra do ex doriano Victor (então treinador do Zaragoza), atua como mediocentro defensivo.
Embora não tenha marcado muitos gols em sua carreira, Zapater é um bom cobrador de infrações e conta com boa experiência internacional, tendo defendido em diversas ocasiões a U 21 espanhola e disputado a Copa U.E.F.A. da temporada 2004/2005.

Marcadores: , , ,

Na Última Vez ...

Quem Vem Lá (Parte I) - Jonathan Biabiany


De volta à Serie A depois de um único ano no campionato cadetto, o Parma vem montando um elenco que mescla experiência com juventude.
E, dentre os jovens mais interessantes que vêm sendo arregimentados pelo clube do presidente Ghirardi, se destaca o francesino Jonathan Ludovic Biabiany, 21 anos completados no último 28 de abril.
Biabiany, uma ágil e veloz seconda punta, foi formado pelo diminuto Blanc-Mesnil Sports (BMS) e descoberto por olheiros da Internazionale em um amistoso em que seu clube foi derrotado por 8 x 4.
Levado para a Itália ainda na temporada 2006/2007, Biabiany passou a integrar a squadra primavera da Beneamata, onde contracenou com o até hoje interista Balotelli.
Aliás, Biabiany chegou mesmo a fazer sua estréia como profissional pela Inter, participando da vitória de 2 x 0 sobre o Empoli pela Copa Itália em janeiro de 2007 (acima, o francês em ação com a camisa nerazzurra - Inter).
Emprestado ao Chievo na stagione 2007/2008, Biabiany, mesmo com o time clivense disputando a Serie B, continuou sendo muito pouco aproveitado, razão pela qual ainda em janeiro de 2008 passou ao Modena, onde, aí sim, conseguiu jogar com mais continuidade.
No campeonato passado, mesmo com o Modena vivendo maus momentos, Biabiany conseguiu destaque realizando 8 gols em 38 partidas e carimbou seu ingresso na Serie A.

Marcadores: , , ,

Na Última Vez ...
eXTReMe Tracker