Google
 
Web calcioseriea.blogspot.com

sábado, julho 19, 2008

L'Enigma


A 'L'Enigma' desta semana quer saber: de qual clube é o escudo à esquerda?
A agremiação em questão está localizada na Emilia-Romagna e foi uma das surpresas positivas da última temporada!
Até a próxima quarta-feira com o nome do expert.

Marcadores:

Na Última Vez ...

quinta-feira, julho 17, 2008

Memorabilia - Bruno Conti

Sobre ele, Pelé, após o término da Copa do Mundo de 1982, declarou: "É Bruno Conti o verdadeiro brasileiro do Mundial; o melhor de todos os jogadores que vi na Espanha. Acreditava que jogadores como ele não nasciam mais". Tendo vindo ao mundo aos 13 de março de 1955 em Nettuno, a cerca de 60 quilômetros de Roma, o mancino Bruno Conti realmente foi um dos destaques do Mundial disputado na Espanha e conquistado pela Itália, maravilhando o público com sua fina habilidade, cruzamentos milimétricos e dribles realizados em espaços diminutos do campo.
Formado na Roma, Conti foi uma verdadeira bandiera da Lupa Capitolina, onde transcorreu toda sua carreira, à exceção de duas temporadas (1975/1976 e 1978/1979) em que defendeu o Genoa, sempre por empréstimo e na Serie B.
Sua estréia na Serie A ocorreu em 10 de fevereiro de 1974, no empate da Roma em 0 x 0 contra o Torino no Olimpico, estádio no qual disputou também seu último confronto válido pela principal divisão do Calcio em 29 de abril de 1990, em nova igualdade de sua Roma, desta vez por 2 x 2 contra o Bologna do brasileiro Geovani.
Neste interregno, este canhoto com predileção pela camisa 7 realizou outras 302 partidas e anotou 37 gols na Serie A, conquistando o memorável scudetto da temporada 1982/1983 ao lado de Falcão (na foto acima, scudettado, Conti protege a bola do capitão do Torino, Zaccarelli - Guerin Sportivo).
Apelidado de Folletto di Nettuno e Marazico, Conti ainda conquistou 4 edições da Copa Itália com a Roma (à esquerda - Guerin Sportivo - portando o símbolo da competição no peito - 1979/1980, 1980/1981, 1983/1984 e 1985/1986).
Considerado l'ala più forte di tutti i tempi del calcio italiano, Conti fez sua estréia na Azzurra contra Luxemburgo em 11 de outubro de 1980 e encerrou sua participação no selecionado italiano quase 6 anos depois, na eliminação da Copa do Mundo de 1986 frente a França, em 17 de junho (abaixo, à direita, Conti em ação no Mundial do México - Cannon).
Neste período, foi presença constante no 11 titular de Bearzot, inclusive durante a World Cup de 1982, quando atuou em todas as partidas, anotou 1 gol e deu assistências a vários, inclusive o último da finalíssima, marcado por Altobelli.
Aliás, o alemão Rummenigge, que trocou de camisa com Conti após a final disputada em Madri, afirmou: "L'Italia ha vinto meritatamente. Il più grande in assoluto? Per me Bruno Conti; è stado un onore per me scambiare con lui la maglia dopo la finalissima. La conserverò come ricordo di un grandissimo campione".
Para saber um pouco mais sobre esse baixinho endiabrado, que encerrou a carreira em jogo comemorativo diante de mais de 80.000 pagantes e ainda hoje é dirigente da Roma, vale a pena conferir o vídeo abaixo:


video

Marcadores: , , ,

Na Última Vez ...

quarta-feira, julho 16, 2008

Especulações Da Semana


"Ronaldinho uno di noi"! Assim, cerca de 4.000 tifosi rossoneri receberam o mais novo reforço do Milan em Milanello - Ronaldinho Gaúcho (abaixo, à direita, o novo ídolo milanista em sua chegada ao clube - Ap)!
O craque brasileiro, que deve ser apresentado amanhã, quinta-feira, renunciou a uma proposta financeiramente mais vantajosa do Manchester City para jogar no Milan, confirmando que desejava fortemente diventare rossonero.
Ainda assim, não foi nenhuma bagatela, a ponto do poderoso Berlusconi exclamar: "Ronaldinho è costato un sacco di soldi però ne valeva la pena".
Em suma, Ronaldinho Gaúcho assinará um contrato até 2011 com o Milan, tendo custado cerca de € 21 milhões mais eventuais bônus condicionados a determinados resultados.
Embora um affare como o de Ronaldinho seja mais do que suficiente para justificar essa coluna, o calciomercato settimanale não ficou por aí!
Até a então imobile Internazionale apresentou a primeira contratação da era Mourinho: o brasileiro Mancini (na foto mais abaixo ao lado de Mourinho - Ap), contratado junto a Roma por cerca de € 13 milhões e cujo acquisto só foi pouco noticiado diante da chegada de seu compatriota mais famoso ao Milan, vez que o ex giallorosso é um reforço importante para a tricampeã italiana.
Quem também acertou com um novo reforço foi a Juventus, que anunciou a chegada do dinamarquês Poulsen.
Conhecido principalmente pela cusparada que recebeu de Totti após muito provocar o romanista na Euro 2004, o biondo danese chegou ciente das dificuldades que enfrentará no Calcio: "So che non ho una grande reputazione qui in Italia, mi auguro che gli arbitri non abbiamo pregiudizi nei miei confronti, ma non credo: in Spagna negli ultimi anni ho preso pochissimi gialli e nessun rosso, spero di cambiare l’immagine che hanno di me gli italiani. Nel mio ruolo ogni tanto ci vuole anche grinta e un po’ di cattiveria. Per me il passato è dimenticato, non ho alcun problema con Totti: mi piacerebbe dargli la mano quando sfideremo la Roma".
Outro estrangeiro que chegou à Itália nesta semana foi o suíço Stephan Lichtsteiner, contratado pela Lazio para substituir o também svizzero Behrami, partente.
Já o brasileiro Matuzalém, atualmente no espanhol Zaragoza, pode estar retornando à Itália, sponda Lazio.
Quem também continua bastante cotado para aparecer na Itália, mais precisamente na Roma, é o brasileiro Júlio Baptista.
Mas, em matéria de especulações, ninguém superou a Sampdoria nos últimos dias, pois a equipe de Gênova estaria atrás de um atacante de peso, que poderia ser Crespo, Suazo, Shevchenko ou até mesmo o grifone (mas com passado blucerchiato) Borriello.
O Napoli, bastante ativo neste calciomercato, estaria interessado nos alas Zauri e Cech, este último um eslovaco que atua no Porto.
Já o Palermo gostaria de contar com os serviços do uruguaio Caballero, que também interessaria à Lazio, ou com o colombiano Zuñiga, também na mira da Lazio e do Siena.
Por fim, de registrar a concretização das transferências dos jovens Cigarini e Dessena, que deixaram o Parma com destino à, respectivamente, Atalanta e Sampdoria.

Marcadores: , , ,

Na Última Vez ...

L'Enigma - La Soluzione


E só dá JP! Mais uma vez, congratulações ao gajo d'além mar, que desvendou que o escudo à esquerda é o antigo do Football Club Messina Peloro S.r.L. (abaixo em sua integralidade), clube que disputou a Serie A pela última vez na temporada
2006/2007, mas que corre o risco de, por motivos societários, restar excluído da próxima Serie B e ter que ripartire dai Dilettanti. O placar do II Desafio Calcio Serie A está assim: 1º JP (3 pts) e 2º Michel Costa (2).
Portanto, vamos participar porque ainda estamos em tempo!

Marcadores:

Na Última Vez ...

terça-feira, julho 15, 2008

Momento Panini - David Trezeguet


Excluído pelo polêmico Raymond Domenech do grupo francês que clamorosamente fracassou na última Euro 2008 (foi preterido pelo inexperiente Bafetimbi Gomis), Trezeguet comunicou, no último dia 09, seu ritiro dai Blues, ficando agora exclusivamente voltado ao seu clube, a Juventus.
Ao todo, foram mais de 10 anos com Trezeguet envergando a camisa dos Galletti, totalizando 71 partidas e 34 gols (que o fazem o 3º maior artilheiro transalpino), tendo como ápice as conquistas da Copa do Mundo de 1998 e do Europeu de 2000, além de ter protagonizado com o amigo Henry a coppia d'attacco più prolifiche della storia do selecionado francês (com 45 gols, Thierry Henry é maior artilheiro absoluto da França).
Embora nascido aos 15 de outubro de 1977 em Rouen, na França, Trezeguet passou toda a sua infãncia na Argentina, para onde a família regressou em 1979 após o patriarca, também futebolista profissional, ter encerrado seu contrato com o F.C. Rouen.
Porém, depois de fazer sua estréia no argentino Platense, Trezeguet, favorecido por sua dupla nacionalidade, optou por prosseguir sua carreira na França, tendo realizado testes no Paris SG antes de ser admitido, como stagiaire, no Monaco.
O então treinador monequasque, Jean Tigana, logo percebeu o potencial de Trezeguet e, com a saída do brasileiro Sonny Anderson para o Barcelona na temporada 1997/1998, efetivou o jovem atacante ao lado de Henry e do nigeriano Ikpeba.
Atacante rápido, daqueles que não perdoam um segundo de hesitação do adversário, dotado de um ótimo colpo di testa e fantástico in acrobazia, Trezeguet, em seu 1º ano como titular, já foi logo se sagrando vice-artilheiro da Division 1.
Alguns anos depois, consagrado campeão do mundo em 1998 e da Europa em 2000, bem como bi-campeão francês (1996/1997 e 1999/2000), Trezegol foi contratado pela Juventus per la cifra di 45 miliardi di lire, aportando na Itália nell'estate del 2000.
Inicialmente reserva do duo Del Piero-Inzaghi, Trezeguet foi conquistando a confiança do allenatore Ancelotti e, ao final do campeonato (a figurinha acima é exatamente da temporada 2000/2001), terminou como principal artilheiro da equipe, vice-campeã do Calcio.
Com a partenza de Inzaghi para o Milan e, não obstante a chegada do chileno Salas, coube a Trezeguet fazer dupla com Del Piero na stagione 2001/2002, época na qual o francês conquistou o posto de capocannoniere da Serie A com 24 tentos em 32 partidas (média de 0,75 gols por jogo), com a ressalva de que nenhum cobrando pênalti.
Atacante extremamente regular, dono de uma média de gols impressionante que o coloca ao lado de jogadores como Van Basten, Shevchenko e Batistuta, Trezegol é, desde 2006, o maior artilheiro estrangeiro da história da Juventus, deixando para trás due grandi del passato como Platini e Charles.
Aliás, depois de algumas incompreensões em 2007, ao final da campanha juventina na Serie B, Trezegol renovou com o clube até 30 de junho de 2011 e, já na 1ª giornata da temporada 2007/2008 (figurinha à esquerda), foi mostrando que seu faro de gol continuava irrepreensível, anotando a tripletta que valeu a vitória bianconera sobre o Livorno no retorno da equipe à Serie A.
Ao final do campeonato, outros 17 gols colocaram o francês como vice-artilheiro da Serie A, apenas 1 atrás do seu colega Del Piero, ao lado de quem promete continuar maravilhando os tifosi bianconeri.

Marcadores:

Na Última Vez ...

domingo, julho 13, 2008

Quem Vem Lá (Parte II) - Germán Denis


Disposto a não fazer feio em seu retorno à Europa depois de mais de 10 anos, o Napoli pagou cerca de US$ 12 milhões para contar com o striker argentino Germán Denis, que chegou avisando: "Meus objetivos são marcar muitos gols e ser campeão italiano".
Realisticamente, Lavezzi e Denis têm tudo para formar uma dupla bastante interessante: o primeiro, um típico baixinho habilidoso da escola portenha que conquistou Nápoles em apenas uma temporada, enquanto o segundo é conhecido como El Tanque, ou seja, um legítimo matador, autor de 27 gols na última temporada com o Independiente (à direita - Olé).
Portanto, o artilheiro do Apertura 2007 chega à Itália envolto em grande expectativa, até para apagar a insípida passagem pelo Cesena entre 2002 e 2003, quando realizou apenas 3 tentos em 29 partidas na Serie B.

Marcadores: , , ,

Na Última Vez ...

Quem Vem Lá (Parte I) - Mauro Zárate


Depois de muita especulação, a camisa 9 laziale tem um novo dono: Mauro Zárate!
Delantero bastante rápido, capaz de concluir bem com ambos os pés, Maurito é o mais novo de 4 irmãos, todos futebolistas profissionais (o primogênito, Sergio Zárate, chegou a atuar pelo Ancona na temporada 1992/1993) formados no Vélez Sársfield.
Titular da Argentina vitoriosa na Copa Mundial de Fútbol Sub-20 em 2007 formando dupla ofensiva com Kun Agüero, Zárate trocou, de forma surpreendente, a La V Azulada, com a qual foi artilheiro do Apertura 2006, pelo Al Sadd do Qatar logo após o sucesso portenho no Canadá.
Autor de 4 gols em apenas 6 aparições na Q-League, Zárate, pouco adaptado à vida no mundo árabe, acabou emprestado ao Birmingham City em janeiro último, mas também não conseguiu se firmar no time inglês (acima - Daily Mail), rebaixado in Championship ao final da última Premier League.
Apesar desse recente passado pouco empolgante, o presidente Lotito não exitou em gastar cerca de € 17 milhões por esse argentino de 21 anos.

Marcadores: , , ,

Na Última Vez ...
eXTReMe Tracker