Google
 
Web calcioseriea.blogspot.com

quinta-feira, dezembro 24, 2009

Feliz Natal!


Que o Babbo Natale presenteie os amigos do Calcio Serie A e seus familiares com muita saúde, alegria e felicidade!

terça-feira, dezembro 22, 2009

Momento Panini - David Pizarro


Para o brasileiro Rodrigo Taddei, o seu companheiro de Roma David Pizarro é dono de uma precisão ímpar no mundo do futebol, sendo capaz de colocar uma bola dentro de um balde distante dezenas de metros.
Nascido aos 11 de setembro de 1979 na cidade chilena de Valparaíso (que hospedou a seleção brasileira durante a Copa do Mundo de 1962), o porteño David Marcelo Pizarro Cortés é efetivamente um emérito passador, tanto que termina 2009 como o 5º melhor no quesito dentre todos os jogadores da Serie A, tendo somado 658 passes, média de 47 por partida.
Formado no Santiago Wanderers, El Fantasista chamou a atenção dos dirigentes da Udinese ao participar do Campeonato Sul-Americano Sub 20 em 1999, realizado na Argentina.
Originariamente trequartista, Pizarro realizou sua estréia no time friulano logo na 1ª rodada do campeonato 1999/2000 (a figurinha ao lado é exatamente desta época), substituindo o zagueiro Sottil no final do empate com o Venezia por 1 x 1.
Porém, pouco utilizado por De Canio e mesmo por Spalletti, que substituiu o atual técnico do Lecce a partir da 24ª giornata da temporada 2000/2001, Pizarro acabou retornando ao Chile, onde foi defender o Universidad de Chile após míseras 9 aparições na Serie A em 2 anos.
Medalhista de bronze com a seleção chilena nas Olímpiadas de Sydney, Pizarro regressou à Udinese em 2002, agora sim contando com a irrestrita confiança de Spalletti, que o transformou em um ponto de referência no centrocampo bianconero.
De baixa estatura (1,70 m) e por isso mesmo apelidado de Pek, Pizarro logo se firmou, naquele bom time da Udinese (6º colocado no campeonato 2002/2003 e sucessivamente 7º no 2003/2004 e 4º no 2004/2005), como um dos melhores registi do campeonato italiano.
Dotado de uma extraordinária visão de jogo e de um chute poderoso, Pizarro ainda tem uma certa confidência com o gol adversário, tendo sido mesmo o artilheiro da Udinese na temporada 2002/2003 ao lado de Iaquinta com 7 gols e totalizando 21 até aqui na Serie A.
Depois da campanha que culminou com a classificação dos Zebrette à Champions League, Pizarro acabou cedido à Internazionale, onde deveria fazer sombra ao argentino Veron.
Porém, diante dos inúmeros problemas físicos que acometeram La Brujita, Pizarro acabou jogando a maioria das partidas da temporada e teve, em geral, um desempenho muito bom naquele que seria o 1º scudetto interista da atual seqüência.
Mesmo com a saída de Veron, Pizarro acabou aceitando a proposta da Roma para se juntar ao seu antigo treinador Spalletti na capital italiana, até porque a contratação do francês Vieira induzia que a direção da Beneamata não tinha total confiança no futebol do chileno.
Assim, desde a stagione 2006/2007 Pizarro defende a Lupa Capitolina (a figurinha acima é da temporada 2008/2009), sendo muito querido pelos tifosi giallorossi.
Apontado como o melhor jogador chileno em atividade na Europa, El Pequeno Gladiador Romano (vale a pena assistir ao especial produzido pelo canal televisivo 24 Horas sobre a vida do jogador - http://www.youtube.com/watch?v=qq0S47IDhFo) está afastado da seleção chilena desde 2005, quando se desentendeu com o então selecionador Juvenal Olmos, tendo reiterado recentemente sua decisão de não mais defender a La Roja.
Mas, como até a atual presidente chilena, a médica Michelle Bachelet, defende o retorno de Pizarro ao selecionado atualmente comandado por Macelo Bielsa, quem sabe se El Enano De La Provincia não estará na próxima Copa do Mundo?

Marcadores:

Na Última Vez ...

segunda-feira, dezembro 21, 2009

'B' Em Pílulas


* Assim como a da Serie A, a rodada programada para este final de semana da Serie B teve vários de seus jogos adiados em razão do mau tempo que assola à Itália;
* Cittadella x Ancona, Mantova x Crotone, Sassuolo x Salernitana e Triestina x Vicenza serão posteriormente recuperadas;
* Mas o grande duelo da 19ª rodada foi regularmente disputado, com o Cesena vencendo o capolista Lecce por 3 x 1, gols do brasileiro Do Prado (uma doppietta, sendo o primeiro cobrando pênalti cometido por Rosati em Bucchi - ao lado - La Presse), Giaccherini e Corvia, que descontou para os visitantes, que continuam líderes com 34 pontos;
* Com o resultado, os romagnoli chegaram aos 32 pontos, atrás apenas do próprio Lecce e do Ancona, que tem 33, podendo também serem ultrapassados pelo Sassuolo, que tem 31 mas, assim como o Ancona, não jogou neste final de semana;
* Decepcionaram o Empoli e o Torino;
* O time azzurro perdeu para o Albinoleffe por 2 x 0, gols dos defensores Perico e Sala, enquanto o granata caiu diante do Vicenza por 1 x 0, tento de Sgrigna;
* Já o Brescia do mister Iachini deu uma recuperada ao fazer 1 x 0 no Modena, placar definido aos 88' pelo veterano Flachi.

Marcadores:

Na Última Vez ...

Panorama Da Rodada


Por causa das condições climáticas adversas, no final de semana apenas 6 partidas válidas pela 17ª rodada da temporada 2009/2010 da Serie A puderam ser disputadas, com outras 4 sendo adiadas.
Assim, no sábado a bola não rolou no campeonato italiano, com Bologna x Atalanta e Fiorentina x Milan sendo postergadas, assim como Genoa x Bari e Udinese x Cagliari, que estavam previstas para o domingo e que serão posteriormente remarcadas.
Mas nem por isso faltou emoção no Calcio!
Com a vitória sobre a Lazio (confira os detalhes em http://calcioseriea.blogspot.com/2009/12/o-jogo-da-tv-parte-ii-internazionale-x.html), a vantagem da Inter subiu, ao menos temporariamente, para incríveis 8 pontos, já que o vice-líder Milan não jogou e a terza colocada, a Juventus, sucumbiu diante do (até então) lanterninha Catania em plena Turim.
Foi a 4ª derrota da Vecchia Signora nas últimas 5 partidas que disputou, totalmente irreconhecível diante daquele time esfuziante que começou a temporada e que, já eliminada na Champions League, vê a disputa pelo scudetto ficar a cada rodada mais complicada.
Sob muito frio e um leve gelo, a Juventus fez um péssimo 1º tempo e, mesmo com Ferrara sacando o sottotono Felipe Melo (acima com Biagianti - Pennicino) por deficiência técnica ainda os 33', permitiu que o Catania fosse para o intervalo em vantagem sem fazer muita força, graças ao gol do uruguaio Martinez cobrando pênalti cometido pelo português Tiago em Spolli.
Na 2ª etapa, a Juve não esteve tão mal, mas Diego e Amauri não conseguiram ser incisivos e Ferrara precisou que Salihamidzic aparecesse sozinho dentro da área para empatar a partida aos 21'.
Aí, quando o pior parecia ter passado, com a Juventus dominando as ações a ponto de Mihajlovic inserir o zagueiro Bellusci no posto do trequartista Llama para assegurar o empate, eis que, em um contropiede di manuale, Izco realizou seu 1º gol na Serie A batendo Manninger e concretizando a 1ª vitória etnea em Turim desde 1963, cujos melhores momentos podem ser visualizados no vídeo ao final do post.
Bem ao contrário da Juventus, quem vem protagonizando uma ótima reação depois de um começo um tanto titubeante é a Roma, que neste domingo passou (e ultrapassou) pelo Parma, conforme pode ser visto em http://calcioseriea.blogspot.com/2009/12/o-jogo-da-tv-parte-i-roma-x-parma.html.
Logo atrás de Roma e Parma, aparece agora o Napoli, que chegou ao seu 10º resultado útil consecutivo vencendo o Chievo por 2 x 0, gols de Hamsik no início e do avante Quagliarella (ao lado combatendo o lateral Sardo - Bellini) no finalzinho da partida.
Com um tento do uruguaio Cavani (que não marcava havia 9 partidas!), o Palermo chegou a sua 3ª vitória consecutiva batendo um brioso Siena em partida na qual os goleiros foram protagonistas e o atacante Miccoli saiu lesionado.
Por fim, ao contrário dos times do sul da Bota vitoriosos, a Sampdoria confirmou que não atravessa grande fase e foi derrotada pelo Livorno no Armando Picchi, com gols de Cassano (S), Rivas (L) e doppietta de Danilevicius (L - abaixo disputando a bola com o zagueiro Gastaldello - Maltinti).
Com esses resultados, o ano vai virar com a seguinte classificação da Serie A, lembrando que Atalanta, Bari, Bologna, Cagliari, Fiorentina, Genoa, Milan e Udinese tem uma partida a menos: 1º Internazionale (39 pts); 2º Milan (31); 3º Juventus (30); 4º Roma (28); 5º Parma (28); 6º Napoli (27); 7º Palermo (26); 8º Sampdoria (25); 9º Bari (24); 10º Fiorentina (24); 11º Genoa (24); 12º Chievo (24); 13º Cagliari (23); 14º Udinese (18); 15º Livorno (18); 16º Bologna (16); 17º Lazio (16); 18º Atalanta (13); 19º Catania (12) e 20º Siena (12).
Já os recordmen dessa rodada incompleta foram os seguintes: Palle recuperate: 1º Juan (Roma) 31; 2º Campagnaro (Napoli) 30; 3º Carboni (Catania), Legrottaglie (Juventus) e Radu (Lazio) 29; Passaggi riusciti: 1º Pizarro (Roma) 73; 2º Liverani (Palermo) 65; 3º Rigoni (Chievo) 63; Assist: 1º Vucinic (Roma) 4; 2º Bresciano (Palermo), Diego (Juventus), Galloppa (Parma), Pizarro (Roma) e Rigoni (Chievo) 3; Tiri: 1º Maccarone (Siena) 7; 2º Diego (Juventus) 5; 3º Abbruscato (Chievo), Bojinov (Parma), Cassano (Sampdoria) e Kolarov (Lazio) 4.
Por sua vez, o friulano Di Natale vai transcorrer o reveillon como artilheiro do torneio com seus 11 gols, seguido por Milito (Inter) com 10 e Totti (Roma) com 9.

video

Marcadores: , ,

Na Última Vez ...

domingo, dezembro 20, 2009

O Jogo Da TV (Parte II) - Internazionale x Lazio



Com o adiamento do jogo do Milan e com a derrota da Juventus neste domingo, a (cada vez mais) líder Internazionale termina 2009 com 39 pontos e nada menos que 8 de vantagem in classifica, somando 12 vitórias até aqui, sendo a última no posticipo desta 17ª rodada contra a Lazio.
Já o time treinado (até quando?) por Ballardini encerra o ano solar com apenas 16 pontos computados e um incômodo (e perigoso) 17º lugar!
Com os termômetros anunciando 8 graus Celsius negativos no Giuseppe Meazza, ambos os times não conseguiram criar muitas oportunidades (enquanto a Gazzetta dello Sport computou 4 tiri in porta para a Inter, contra apenas 1 da Lazio, o DigitalSoccer Project da Panini somou 3 para a Beneamata e 2 dos Aquilotti), mas os nerazzurri foram mais eficientes e, com um gol do camaronês Eto'o, venceram pelo pragmático placar de 1 x 0.
Até que a Lazio, jogando no 3-4-2-1 com um centrocampo em plena emergência, com Baronio formando ao lado do improvisado Kolarov o centro nevrálgico da equipe, tendo Meghni (acima com Lichtsteiner contra Zanetti - Villa) e Mauri no suporte de Rocchi, foi bem durante boa parte da peleja, mas, mais uma vez, mostrou pouquíssima consistência ofensiva, não conseguindo arrematar a gol uma única vez no 2º tempo apesar das entradas do ex Cruz e de Makinwa.
E, a bem da verdade, a Inter chegou ao gol partita em um momento no qual a Lazio estava melhor, aproveitando de um contra-ataque no qual Stankovic cruzou para Eto'o (ao lado fugindo de Kolarov - Villa) testar e, no rebote de Muslera, empurrar para as redes fazendo seu 8º gol stagionale.
A Lazio ainda buscou reagir e, ainda na 1ª etapa, em um lance um tanto controverso, pediu pênalti por mão de Maicon dentro da área, ao que o árbitro Russo julgou involuntário o toque, mandando a partida prosseguir.
No 2º tempo, a Inter conseguiu, sem maiores dificuldades, gestir a vantagem obtida e com Stankovic vertice alto e Cambiasso muito atento (com direito até a cobrança de uma falta no melhor estilo Sneijder), conteve a Lazio, que, com Mauri pouco incisivo e Meghni ainda pior, só soube ser perigosa com Kolarov, de nada adiantando os ingressos de Cruz e Makinwa.
Assim, o tabellino ficou assim:
Inter: Júlio César; Maicon (ao lado contra Del Nero - Villa), Lúcio (gigantesco dopo l'errore di Bergamo na rodada anterior), Cordoba, Muntari (26' Vieira); Zanetti, Cambiasso, Thiago Motta, Stankovic; Eto'o (86' Balotelli), Milito (88' Materazzi). All. Mourinho.
Lazio: Muslera; Siviglia, Stendardo, Radu; Lichtsteiner, Baronio, Kolarov, Del Nero (81' Firmani), Meghni (58' Cruz), Mauri; Rocchi (81' Makinwa). All. Ballardini.
Gol: 14' Eto'o.
Árbitro: Russo.
Cartões amarelos: Thiago Motta, Baronio, Stendardo, Del Nero, Stankovic e Radu.

video

Marcadores: , , , ,

Na Última Vez ...

O Jogo Da TV (Parte I) - Roma x Parma



Com a importante vitória conquistada sobre o Parma neste domingo, a Roma termina o ano solar como protagonista de uma incrível rimonta que a permitirá transcorrer o reveillon em plena zona Champions League, feito construído pela seqüência dos últimos 7 resultados úteis consecutivos, sendo 5 vitórias!
É verdade que contra os surpreendentes Ducali a trupe de Ranieri não teve uma atuação supimpa, encontrando muita dificuldade (em especial na 1ª etapa) em confezionare azioni offensiva contra o adversário proposto em um retraído 5-3-2 e determinado, muito mais, a fechar os espaços do que criá-los.
Efetivamente, mais do que a coppia Amoruso-Bojinov, teve destaque dentre os crociati o ex Panucci, líder de uma retaguarda que praticamente anulou o melhor pacchetto tecnico dos giallorossi.
Com Totti de Taddei pouco consistentes na criação, la fisicità de Riise (acima marcando o suíço Dzemaili - Ap) foi insuficiente para tornar o 1º tempo - embora jogado em ritmo elevado - interessante, com destaque apenas para uma cabeçada de Vucinic aos 8' e, principalmente, para uma bela defesa de Mirante em conclusão ravviciniata de Brighi aos 32'.
Veio a etapa final e, apesar das formazioni invariate, a Roma teve a competência de abrir o marcador logo aos 3', com o argentino Burdisso aproveitando uma bola mal rebatida por Amoruso (que ajudava a defesa) para balançar as redes crociati (acima o momento do toque do zagueiro ex Inter - Getty Images).
Em desvantagem no marcador, o Parma teve que abandonar a sua proposta defensiva, dando maiores espaços à Roma, que quase ampliou aos 7', quando Totti quase surpreendeu Mirante, que contou com a ajuda da trave para evitar um golaço do Er Pupone (abaixo, à direita, Totti marcado por Lucarelli - La Presse).
E, com Lanzafame no posto de Dzemaili, o Parma finalmente ameaçou a meta defendida por Júlio Sérgio, mas não encontrou seus avantes em dia inspirado.
Depois de perder alguns metros de domínio, a partir da metade do 2º tempo, com Okaka no lugar de um acciaccato Totti, a Lupa Capitolina voltou a impor sua maior qualidade e conseguiu criar boas oportunidades com o lateral Motta, com o próprio Okaka e também com De Rossi e Vucinic, ma errori di mira o salvataggi in extremis negaram o raddoppio.
O final da peleja, com Júlio Baptista na vaga de um sfortunato Okaka e com o Parma com um homem a menos devido a expulsão de Paci, foi de forcing giallorosso, que ampliou a contagem e definiu o marcador já nos acréscimos - depois de uma bela conclusão do La Bestia, foi a vez de Brighi superar o arqueiro Mirante com uma conclusão indefensável su assistência de Vucinic.
No vídeo abaixo, os melhores momentos da partida, que podem ser curtidos também acessando o mais completo http://www.youtube.com/watch?v=gT9fDdypAb4&feature=related.
Já o tabellino ficou assim:
Roma: Júlio Sérgio; Cassetti, Burdisso, Juan, Riise; De Rossi, Pizarro, Taddei (76' Motta), Brighi, Vucinic; Totti (66' Okaka) (83' Júlio Baptista). All. Ranieri.
Parma: Mirante; Zaccardo, Paci, Panucci, Lucarelli, Castellini; Morrone, Galloppa, Dzemaili (58' Lanzafame); Amoruso (66' Antonelli), Bojinov. All. Guidolin.
Gols: 48' Burdisso, 91' Brighi.
Árbitro: Tagliavento.
Cartões amarelos: Lucarelli, Juan, Totti, Paci, Panucci e De Rossi.
Cartão vermelho: Paci.

video

Marcadores: , , , ,

Na Última Vez ...

Você Sabia ...


* Que, depois de 16 rodadas, Candreva (Livorno), Milito (Inter), Pirlo (Milan) e Ronaldinho (Milan) dividem a primazia como melhores assist men da Serie A, cada um tendo realizado 31 assistências?
* Que, curiosamente, Candreva (ao lado - Getty Images) não conseguiu liderar o quesito em nenhuma das rodadas até aqui realizadas, ao contrário do chileno Pizarro (Roma), que foi o recordman nas 1ª (juntamente com o brasileiro Ronaldinho), 5ª (empatado com Grosso, Hamsik e Pirlo) e 11ª giornate, mas não figura sequer dentre os primeiros colocados no geral?
* Que, além de Ronaldinho, os também brasileiros Diego (na 2ª), Jeda (na 4ª), Barreto (na 6ª), Maicon (na 10ª) e Matuzalem (na 12ª) conseguiram o primato em uma rodada, sendo que Diego (Juventus) e Jeda (Cagliari) foram autores de 29 assistências até aqui, mesmo número alcançado pelo blucerchiato Cassano?

Marcadores:

Na Última Vez ...
eXTReMe Tracker