Google
 
Web calcioseriea.blogspot.com

sábado, junho 21, 2008

L'Enigma - La Soluzione


Congratulações mais do que especiais para JP, que desvendou que o scudetto à esquerda é do Chievo Verona, squadra neopromossa que deverá aparecer bastante no Calcio Serie A nos próximos meses.
Fundado em 1929, o sodalizio clivense utiliza um stemma bastante diverso atualmente (à direita), tendo, inclusive, abandonado a scala (escada), que é um dos símbolos de Verona e por muitos anos também figurou no escudo da outrora mais gloriosa equipe da cidade: o Hellas Verona.
Falando em Verona, parabéns também à Lady Cyntia, ex Lady Veronese, que também elucidou o enigma!

Marcadores:

Na Última Vez ...

quarta-feira, junho 18, 2008

Gli Azzurri


E a Azzurra foi ... no melhor estilo Itália! Com apenas uma vitória, um empate e uma derrota que veio a ser a pior já sofrida pelo selecionado em uma fase final de Eurocopa, tendo marcado apenas 3 gols (e nenhum por atacante), a Itália conseguiu se classificar às 4ªs de final da Euro 2008 como 2ª colocada no difícil Grupo C, atrás da Holanda e a frente de Romênia e França.
Porém, depois da vexaminosa derrota perante a Holanda (vide link Na Última Vez ...), quase que a squadra comandada por Donadoni foi eliminada logo no confronto seguinte, disputado contra a Romênia de Codrea, Chivu e Mutu.
Apesar da alteração no esquema tático (abandonando o 4-3-3 utilizado na estréia para o 4-3-1-2) e da rivoluzione nas peças (saíram Barzagli, Materazzi, Ambrosini, Gattuso e Di Natale, entrando Chiellini, Grosso - com Panucci passando ao centro da zaga -, De Rossi, Perrotta e Del Piero - acima cobrando uma falta - Ap), a Itália continuou dando a impressão de ser um bando em campo, atuando sem qualquer organização, vivendo da individualidade de seus jogadores.
De qualquer maneira, com Grosso em dia bastante inspirado, a Azzurra até chegou a marcar no 1º tempo, mas o árbitro norueguês Ovrebo acabou por anular, indevidamente, o gol anotado por Toni (à esquerda contra Goian e Tamas - Reuters).
Na 2ª etapa, foi a vez da Romênia sair na frente com o viola Mutu aos 10', ao que Panucci empatou logo no minuto seguinte.
Resultado indefinido, a Itália até conseguiu criar boas oportunidades, com Donadoni lançando Cassano no posto de Perrotta e depois trocando Del Piero por Quagliarella, mas a melhor chance coube novamente a Romania nos pés de Mutu, que cobrou um pênalti cometido por Panucci em Niculae para defesa de um extraordinário Buffon (abaixo a cobrança do romeno - Afp).
Apesar da campanha muito abaixo do esperado, a Itália chegou para o último jogo da 1ª fase ainda viva, precisando vencer a França (que também vinha de um empate contra a Romênia e uma derrota - de 4 x 1 - para a Holanda) e torcer pelo sucesso orange no confronto contra os gialli de Piturca para ascender à fase seguinte.
E contra os galletti do presunçoso Raymond Domenech a Azzurra finalmente realizou uma atuação aceitável, embora favorecida pela contusão do perigoso Ribery logo aos 8' e pela expulsão de Abidal ainda aos 25', culpado pelo fallo di rigore em Toni (abaixo, à esquerda - Reuters) que originou o 1º tento, anotado por Pirlo.
De qualquer modo, a Itália, com Gattuso no lugar de Camoranesi e Cassano no de Del Piero, foi merecedora da vitória, até porque tomou a iniciativa da partida desde o início, tendo uma grande chance já aos 4', quando Toni, lançado por Grosso, chutou para fora cara-a-cara com Coupet (é possível conferir o lance no vídeo ao final do post).
No 2º tempo, o gol de De Rossi (cobrança de falta que ainda desviou em Henry - foto abaixo - Ap) apenas sacramentou o domínio azzurro, cuja classificação foi consolidada com o sucesso da Holanda sobre a Romênia também por 2 x 0.
Não obstante o sucesso italiano contra o rival histórico, evidente que a equipe ainda peca por um padrão de jogo pouco consistente, embora o 4-3-1-2 preenchido por Zambrotta e Grosso esterni, Panucci e Chiellini centrali, Gattuso e Pirlo sulle corsie e De Rossi central na linha média, com Perrotta ao lado de Cassano mais à frente e Toni como único avante de ofício (e Buffon no gol, é claro!), parece ser a melhor formação possível no momento.
Que venha a Espanha!


video

Marcadores: ,

Na Última Vez ...

Especulações Da Semana


Com a Euro 2008 cada vez mais emocionante e os clubes com as atenções voltadas às definições dos acordos di partecipazione, a semana do calciomercato não foi das ativas, merecendo destaque, apenas, a contratação do terzino sinistro John Arne Riise pela Roma, que pagou cerca de € 5 milhões ao Liverpool pelo norueguês, que ha firmato un quadriennale da 2,8 milioni di euro lordi a stagione, più alcuni premi individuali legati agli obiettivi.
Outro importante movimento romanista foi o completo riscatto do atacante Vucinic, que teve a metade de seu cartellino que ainda pertencia ao Lecce comprado por cerca de € 12 milhões.
Agora, a Lupa parte atrás de mais um atacante, sendo que os nomes mais cotados são o do francês Saha (Manchester United) e dos brasileiros Fred (Lyon) e Luís Fabiano (Sevilla).
Falando no neopromosso Lecce, o clube pugliese já acertou com o seu primeiro reforço para a Serie A: o meia suíço Frank Feltscher, da U21 helvetica e que militava no tradicional Grasshopper.
Por outro lado, quem deixou a equipe giallorossa do calcanhar da Bota foi o chileno Valdes, que passou à Atalanta, que nesta semana também acertou a permanência do goleiro Coppola em Bergamo.
Mas, voltando ao terreno das fantásticas especulações, quem parece estar perto da Serie A é o espanhol Xabi Alonso (à direita - Fotopic), que interessaria (e muito) à Juventus, que ainda teria como objetivos Aquilani e Stankovic, este último aparentemente fora dos planos de Mourinho.
Aliás, fora dos planos de Ranieri estariam o argentino Almiron (na mira da Sampdoria e Fiorentina) e o português Tiago (que poderia ir para o Atlético de Madrid).
Já o Torino está com o mercado totalmente em stand-by, principalmente porque o presidente Cairo parece não ter aprendido com as temporadas anteriores e sequer definiu seu staff (o direttore generale Stefano Antonelli estaria para deixar o clube). Assim, muitos nomes estão sendo ligados ao time granata (Acquafresca, Bojinov, Dainelli, Genevier, Gobbi, Lodi, Pozzi, ...), mas nenhum affare é concretizado.
Outra agremiação que não parece ter definido ainda claramente seus objetivos é a Lazio, que depois do goleiro Carizzo estaria de olho no também argentino Palacio (à esquerda - Guerin Sportivo), mas estaria quase desistindo do atacante Amoruso, um dos destaques da Reggina na temporada passada e com quem estava praticamente acertada.
Em uma semana na qual não Inter e Milan não deram muito pano para manga (apenas os nomes de sempre: Adebayor, Deco, Drogba, Eto'o, Hleb, Lampard, Mancini, Quaresma, ...), os especuladores de plantão resolveram apontar a mira da Serie A para a seleção croata, uma das agradáveis supresas da Uefa Euro 2008.
Assim, se o atacante Budan muito provavelmente retornará ao Palermo e o lateral Simic estaria próximo da Fiorentina, que ainda estaria d'occhio no avançado Kalinic, o Napoli estaria interessado em Klasnic, a Roma em Kranjcar, a Lazio em Srna e a Juventus em Petric e Pranjic ...

Marcadores: , , ,

Na Última Vez ...

L'Enigma - La Continuazione


É, realmente não está nada fácil, afinal, lá vão meses desde que a 'L'Enigma' teve sua última 'La Continuazione'...
Para ajudar, aí vão duas dicas: i) o clube do escudo em questão (que não é o atual da agremiação) será, com certeza, objeto de muitos posts na próxima temporada; ii) atenção no centro do scudetto.
Será que no próximo sábado vamos ter a elucidação do mistério?

Marcadores:

Na Última Vez ...

terça-feira, junho 17, 2008

Momento Panini - Massimo Ambrosini


Dono de um currículo invejável, recheado com 3 títulos do campeonato italiano e 2 da almejada Champions League, vice-capitano de um dos clubes mais importantes do mundo e um dos atletas mais bem pagos do Calcio, com ingaggio netto de 3,5 milioni de euros anuais, ainda assim Massimo Ambrosini passa longe de ser uma unanimidade.
Nascido em Pesaro, na região de Marche, em 29 de maio de 1977, Max iniciou sua carreira no vivaio do Cesena, com o qual estreou profissionalmente na Serie B aos 17 anos.
Centrocampista centrale che svolge la funzione di mediano o incontrista, o biondo Ambrosini, então Nazionale U18, acabou por chamar a atenção de Fabio Capello, que o levou para o Milan para a temporada 1995/1996.
Assim, aos 18 anos, Ambrosini fez a 1ª das 253 partidas que disputou até aqui na Serie A em 05 de novembro de 1995, entrando no lugar do avançado Lentini aos 83' de Milan x Cagliari, termindo 3 x 2 para os rossoneri.
Naquele Milan que seria campeão italiano com 8 pontos de vantagem sobre a Juventus a concorrência era árdua, já que os volantes titulares atendiam pelos nomes de Albertini e Desailly e havia até um imberbe Patrick Vieira no elenco, mas, ainda assim, Ambrosini terminou a temporada com positivas 7 presenças na Serie A (Vieira, por exemplo, fez apenas 2 jogos) e outro igual número de aparições entre Copa Itália e Copa U.E.F.A.
Depois de 11 presenças no campeonato seguinte e estrear na Champions League com a camisa rossonera contra o Rosenborg, Ambro foi emprestado ao Vicenza (a figurinha à direita é exatamente da temporada 1997/1998), clube que havia conquistado a Copa Itália na temporada anterior e com o qual realizou uma ótima temporada, sendo ainda importantíssimo na campanha do time na Coppa delle Coppe, só parando nas semi-finais diante do poderoso Chelsea de Vialli e Zola.
Daí, desde a temporada 1998/1999 Ambrosini está no Milan, sempre envergando a camisa de nº 23 em homenagem a Michael Jordan (na passagem precedente utilizou o nº 15), tendo, com o tempo, raccolto l'eredità di Albertini e o reconhecimento dos tifosi.
Jogador grintoso, dono de um bom passe e de um ótimo chute (já fez 20 gols na Serie A), Ambrosini, depois de ter sido um punto fermo da U21 de Tardelli, fez sua estréia na nazionale maggiore sob o comando de Zoff em 28 de abril de 1999, em amistoso disputado contra a Croácia em Zagreb e que marcou a 100ª partida na Azzurra de Maldini.
Tendo participado da Euro 2000, inclusive da sfortunata finale contra a França, Ambrosini já contempla 30 aparições na Azzurra, tendo sido, até, capitão na primeira partida sob o comando do atual c.t. Donadoni - um amistoso com derrota para a mesma Croácia da estréia de Max em 16 de agosto de 2006.
Excelente cabeceador, o que tem atrapalhado bastante a carreira desse grande amigo de Valetino Rossi e apaixonado por futebol americano são as reiteradas e constantes contusões, que, inclusive, o tiraram da última Copa do Mundo.
Assim, por exemplo, a stagione 2000/2001, começada excelente, com direito a gol in spettacolare rovesciata contra a Fiorentina, acabou registrando uma gravíssima lesão que deixou Ambro 10 meses longe dos campos.
De qualquer maneira, com muito trabalho, dedicação e alguma habilidade, Max tem conquistado cada vez mais admiradores ao formar um dos mais fortes meio-campos do mundo ao lado dos seus companheiros Gattuso e Pirlo (a figurinha acima, com a camisa do Milan, é da temporada recém-encerrada).

Marcadores:

Na Última Vez ...

segunda-feira, junho 16, 2008

'B' Em Pílulas


* Está completo o quadro da próxima Serie A, cabendo ao Lecce a terza e última promoção à máxima divisão do Calcio;
* Assim, o playoff apenas confirmou a melhor campanha do Lecce na temporada regular, quando o clube pugliese terminou com 5 pontos de vantagem sobre o Albinoleffe, 4º colocado;
* E foi exatamente contra o time da província de Bergamo que o Lecce assegurou sua promoção, vencendo a finale d'andata por 1 x 0 no Atleti Azzurri D'Italia e administrando o empate de 1 x 1 no retorno no Via del Mare;
* O atacante Elvis Abbruscato acabou sendo o grande destaque leccese no duplo confronto contra o Albinoleffe, fazendo o gol da vitória no jogo disputado em Bergamo no dia 11 e abrindo o marcador em Lecce, no último dia 15, logo aos 10';
* Como a equipe treinada por Papadopulo podia perder por até 1 gol de diferença, de nada adiantou o tento anotado pelo jovem Ruopolo aos 75', vez que o clube Celeste em momento algum demonstrou poderio para tirar a promoção dos pugliesi;
* Após o triplice fischio finale houve uma grande explosão de alegria no Vial del Mare, onde quase 30.000 espectadores comemoraram muito o retorno do Lecce à Serie A (acima a comemoração dos jogadores giallorossi - Grazia Neri) dopo due anni di purgatorio.

Marcadores:

Na Última Vez ...

domingo, junho 15, 2008

Quem Vem Lá (Parte II) - Vangelis Moras


A adaptação de Vangelis Moras ao Bologna (foto abaixo - Macchiavelli) e ao futebol italiano não foi fácil, mas, depois do avvio difficile, este zagueiro de físico avantajado (1,93 m por 78 kg) se tornou um dos pilares defensivos da tradicional neopromossa.
Agora, aos 26 anos, este difensore que começou no Larissa e que passou no Proodeftiki antes de aprodar no AEK em 2003, deverá demonstrar o seu valor na Serie A, em busca também de uma chance no grupo grego comandado pelo alemão Otto Rehhagel em vistas à Copa do Mundo de 2010.
Nada impossível para este zagueiro de estilo clássico e com apurado faro de gol, que formou ao lado do capitano Terzi a retroguardia menos vazada de toda a Serie B.

Marcadores: , , ,

Na Última Vez ...

Quem Vem Lá (Parte I) - Juan Carrizo


Depois de um tira e molla interminável, parece que, finalmente, Juan Pablo Carrizo desembarcará em Formello e passará a integrar o plantel laziale tão logo termine a Clausura 2008 na semana que vem.
Contratado por cerca de US$ 10 milhões em julho passado (a contratação mais cara da gestão do presidente Lotito), Carrizo foi indicado pelo próprio Peruzzi para sucedê-lo na porta laziale, mas, por problemas ligados ao seu status de comunitário, acabou permanecendo mais uma temporada no River Plate, seu único clube até aqui.
Nascido em 06 de maio de 1984, o arqueiro de Villa Constitución é considerado o futuro da Selección, com a qual estreou em 18 de abril de 2007 na vitória de 2 x 0 contra o Chile e onde já tem figurado como regular dodicesimo.
Apelidado de JP ou Juampi, Carrizo (ao lado - Clarín) é um goleiro que se destaca pela agilidade e que sabe utilizar muito bem os pés (chegou a jogar como atacante cuando era más chico), bem como demonstrou ser um exímio pegador de pênaltis jogando na Argentina.

Marcadores: , , ,

Na Última Vez ...
eXTReMe Tracker