Google
 
Web calcioseriea.blogspot.com

sábado, outubro 17, 2009

O Jogo Da TV (Parte II) Genoa x Internazionale



Para quem achava que a Inter estaria disposta a dar uma chance aos adversários nesta stagione, a resposta veio neste sábado, com uma avassaladora goleada de 5 x 0 sobre o Genoa em pleno Luigi Ferraris.
Foi o maior placar construído pela Beneamata sob o comando de Mourinho, que não deu chances ao Genoa de Gasperini, que sucumbiu diante das 13 conclusões levadas a cabo pelos nerazzurri.
E olha que Mourinho, tendo que renunciar a Eto'o e ao duo de ex Milito e Thiago Motta, foi obrigado a ridisegnare sua equipe no 4-3-2-1, com Sneijder e Stankovic mais avançados, tendo apenas Balotelli na frente.
A equipe rossoblù, armada no seu usual 3-4-3 com Papastathopoulos e Modesto como externos de meio campo e Palladino e Sculli abertos no ataque, até que começou agredindo a Inter pelas extremas, mas sofreu duro golpe logo na primeira descida da Inter, com Cambiasso abrindo o marcador depois de cobrança de falta de Sneijder e sponda de Maicon, sem esquecer o desvio determinante de Modesto, que acabou matando qualquer chance de defesa do seu arqueiro Amelia.
Sem se abalar (ainda), o Genoa buscou responder de imediato, mas o inspirado Palladino encontrou pela frente um eficaz muro formado por Lúcio e Samuel, enquanto a proteção rossoblù não era tão eficaz, tanto que Stankovic quase ampliou aos 13' e aos 16' e Balotelli (mais acima marcado por Modesto - Cebrelli), explendidamente servido por Sneijder, realizou sua prima rete stagionale aos 31', acertando o canto de Amelia em jogada muito semelhante a desperdiçada minutos antes pelo meia sérvio.
Aí o Grifone sentiu e passou a ter dificuldades para gestir a partida, só conseguindo produzir algo de concreto aos 40', quando Morganti legitimamente anulou um gol de Milanetto assistido pelo ótimo Palladino.
Contra um adversário nas cordas, a Inter foi impiedosa, com Stankovic (à esquerda marcado por Bocchetti e Zapater - Inter) realizando o definitivo golpe de k.o. em pleno recupero, realizando um magistral gol da linha intermediária após reposição equivocada de Amelia (este gol em especial merece ser visto nos highlights ao final do post, que ainda trazem entrevista com o protagonista Il Drago).
No 2º tempo, a Internazionale se deu ao luxo de diminuir um pouco o ritmo, mas pouco importou, porque o Genoa não tinha mais qualquer convicção em seus meios, de nada adiantando as entradas de Crespo e Palacio nos postos de Floccari e Sculli, bem como do sérvio Tomovic no de Papastathopoulos.
E, assim, o francês Vieira, que substituíra Cambiasso no intervalo, recebeu de Sneijder e, como um legítimo centroavante, se livrou de Modesto antes de fuzilar Amelia para fazer 4 x 0 aos 66' (abaixo a conclusão do meia - Reuters).
Pouco depois, coube ao brasileiro Maicon aproveitar de um pasticcio da defesa genoana para decretar números finais à partida.
De registrar que o público presente ao Marassi continuou apoiando seus jogadores até o final, o que, porém, não vai diminuir o trabalho de Gasperini para acertar essa defesa que, com os 16 gols sofridos até aqui, é a pior do campeonato.
Il tabellino:
Genoa: Amelia; Biava, Moretti, Bocchetti; Papastathopoulos (69' Tomovic), Milanetto, Zapater, Modesto; Palladino, Floccari (62' Crespo), Sculli (62' Palacio). All. Gasperini.
Inter: Júlio César; Maicon, Lúcio, Samuel (77' Cordoba), Chivu; Zanetti, Cambiasso (46' Vieira), Muntari, Stankovic, Sneijder (73' Mancini); Balotelli. All. Mourinho.
Gols: 6' Cambiasso, 31' Balotelli, 49' Stankovic, 66' Vieira, 71' Maicon.
Árbitro: Morganti.
Cartões amarelos: Balotelli, Modesto, Samuel, Muntari e Milanetto.

video

Marcadores: , , , ,

Na Última Vez ...

O Jogo Da TV (Parte I) - Juventus x Fiorentina



Depois de um começo entusiasmante, com 4 vitórias em igual número de rodadas, a Juventus parece que desaprendeu o caminho e, com o empate em 1 x 1 contra a Fiorentina neste primo anticipo da 8ª rodada, completou 4 jogos consecutivos sem vencer.
Sem Del Piero, uma operária Vecchia Signora (com Felipe Melo, Poulsen e Sissoko no meio de campo) foi pouco brilhante e acabou vaiada ao final, vez que a Fiorentina, apesar de ter tido menor posse de bola (42,9%), pareceu mais ordinata e foi quem abriu o marcador, com o peruano Vargas (abaixo em um curioso embate com Grygera - Pennicino), que aproveitou uma bela jogada de Jovetic para concluir por cima de Buffon ainda aos 5'.
Porém, o time comandado por Prandelli (que festejou sua 200ª panchina viola) foi pouco eficiente em gestir a vantagem, mesmo contando com um ótimo Frey, que fez uma defesa inacreditável em conclusão de Iaquinta da linha da pequena área aos 15'.
Aliás, Iaquinta (abaixo antecipando Gobbi - La Presse) esteve mesmo em uma giornata no, vendo a bola passar na sua frente aos 18' em cruzamento de Grosso e, até no gol, servindo de forma involuntária para Amauri realizar o gol de empate aos 19', encerrando um jejum de 1.276 minutos!
Apesar dos gols, o 1º tempo não teve muitos outros lances de emoção, prevalecendo uma intensa disputa física, com Zanetti vencendo o seu duelo particular com Felipe Melo no duelo de ex.
E foi exatamente a organização tática viola, com Montolivo e Zanetti bassi e il tridente Marchionni, Jovetic e Vargas dietro a Gilardino, o diferencial que fez a Fiorentina mais propositiva e ainda ter contestado uma decisão do árbitro Rizzoli que apitou uma falta de Dainelli antes de outra bola de Vargas terminar no fundo das redes de Buffon.
O 2º tempo começou vibrante, com Sissoko exigindo grande defesa de Frey em assistência de Amauri, com resposta quase imediata da Fiorentina, com Jovetic chutando ao lado da meta de Buffon.
Depois, Ferrara ainda tentou mudar colocando Camoranesi (ao lado contra Gilardino - Pennicino) no posto do rientrante Sissoko e Trezeguet no de Diego, com Prandelli respondendo com Mutu no lugar de Jovetic, mas cambia poco e o placar não mudou mais.
O tabellino:
Juventus: Buffon; Grygera, Cannavaro, Chiellini, Grosso; Sissoko (69' Camoranesi), Felipe Melo, Poulsen, Diego (84' Trezeguet); Amauri, Iaquinta (80' De Ceglie). All. Ferrara.
Fiorentina: Frey; Comotto, Gamberini, Dainelli, Gobbi; Montolivo, Zanetti, Marchionni (69' Santana), Jovetic (69' Mutu), Vargas (72' Pasqual); Gilardino. All. Prandelli.
Gols: 5' Vargas, 19' Amauri.
Árbitro: Rizzoli.
Cartões amarelos: Sissoko, Jovetic, Grygera e Gobbi.

video

Marcadores: , , , ,

Na Última Vez ...

Match Clou - 8ª Rodada 2009/2010



Ocupando apenas posições intermediárias na tábua de classificação, Milan e Roma realizam o 'Match Clou' da 8ª rodada da Serie A 2009/2010 precisando mostrar que podem ser mais do que meros coadjuvantes de luxo no campeonato.
Em situação mais delicada, com apenas 9 pontos conquistados nas primeiras 7 rodadas, o Milan não vence desde 20 de setembro e seu treinador, o brasileiro Leonardo, já em bilico, ainda não poderá contar com Ringhio Gattuso, sequer convocado para a partida, assim como os outros indisponibili Abbiati, Bonera, Di Gennaro e Onyewu, oggetto misterioso que deve ficar fora, pelo menos, mais 4 meses depois de se contundir no último compromisso da seleção norte-americana.
Com Storari preferido a Dida, a defesa rossonera deve ser completada pelos alas Oddo (à direita - Getty Images) e Zambrotta e pelos centrais Nesta e Thiago Silva, que retorna depois de ficar afastado por contusão nas últimas rodadas.
No meio de campo, Leonardo deve optar por lançar Ambrosini no posto de Gattuso, com Pirlo ao seu lado e Abate e Seedorf como esterni.
Na frente, devem aparecer os brasileiros Ronaldinho Gaúcho (mais abaixo - Getty Images) e Pato.
Em Trigoria, a má notícia é o cada vez mais provável forfait de Totti, tanto que uma eventual presença do capitano giallorosso em campo no Meazza seria apontada pela Gazzetta dello Sport como um "miracolo a Milano".
Assim, Ranieri deve optar por colocar o jovem Okaka (foto mais abaixo - Getty Images) em campo, completando o ataque no 4-4-2 com o montenegrino Vucinic.
No centrocampo, a Roma deve ter o brasileiro Taddei pela direita, Pizarro e De Rossi como centrais e Perrotta pela esquerda.
Sem Juan e com Cicinho e Júlio Baptista em baixa, ainda assim a grande novidade romanista deverá ser brasiliana, com o goleiro Doni retornando ao gol giallorosso para fazer sua estréia na temporada.
Com Mexes e Burdisso compondo a zaga, Cassetti e Riise devem ser os laterais, ambos bons apoiadores.
Aliás, o ala norueguês foi o autor do gol que abriu o placar na vitória da Roma por 3 x 2 no último confronto entre as equipes, ocorrido bem recentemente, valendo pela 37ª rodada da última temporada (vide http://calcioseriea.blogspot.com/2009/05/o-jogo-da-tv-parte-ii-milan-x-roma.html).
Ao todo, as equipes já se enfrentaram 74 vezes pela Serie A em Milão, com 42 vitórias do Milan, 17 empates e 15 sucessos da Roma.
Apesar desse amplo domínio rossonero, é bom Leonardo abrir o olho se não quiser ser ainda mais contestado, pois a Lupa venceu o Milan nas últimas 3 ocasiões em que visitou o San Siro.
Assim, o último sucesso dos mandantes remonta a já longínqua temporada 2005/2006, quando os brasileiros Kaká e Amoroso marcaram para o Milan (ambos de pênalti) e Mexes marcou o gol do momentâneo empate giallorosso.
Já o último empate ocorreu no campeonato 2004/2005, quando, em 07 de novembro de 2004, Shevchenko e Montella fizeram os tentos do 1 x 1 final.
Em confronto no qual os artilheiros do Milan já balançaram as redes adversárias em 134 ocasiões e os da Roma em 75, o capocannoniere é o sueco Gunnar Nordahl, que fez 7 gols no duelo, todos envergando a camisa rossonera, embora tenha também defendido a giallorossa no final de sua gloriosa carreita.
Já Paolo Maldini, que realizou sua última partida no San Siro exatamente contra a Roma em maio último, é o jogador que mais atuou no confronto, com 20 aparições.
Será o jogo do riscatto para quem? Tanto Leonardo quanto Ranieri acreditam que para suas respectivas equipes, tanto que o brasileiro declarou "Milan, puoi fare molto meglio, basta lamentarsi, ora bisogna vincere", enquanto o italiano retrucou com "La mia Roma punta al vertice"!

Marcadores: , , , ,

Na Última Vez ...

L'Enigma - Le Scomesse


Na última vez em que enfrentou a Roma no San Siro, o Milan ainda alinhava em suas filas Maldini e Kaká e Ronaldinho (ao lado contra o também brasiliano Taddei - Reuters) entrou apenas no 2º tempo.
Agora, buscando uma nova identidade, o time rossonero deve apostar em seu astro ex blaugrana desde o começo, esperando contra a Lupa Capitolina iniciar uma série positiva depois dos vários tropeços colhidos neste início de stagione.
Mas, nem todos os amigos do Calcio Serie A estão otimistas com a squadra comandada por Leonardo, a ponto da Roma de Ranieri ter dividido a preferência dos palpites, que foram os seguintes: 0 x 0 - Cyntia; 0 x 1 - Navarro (e também o Prisma); 1 x 0 - Raphael Zerlottini; 1 x 1 - Michel Costa; 1 x 2 - Sérgio André; 2 x 1 - Alcindo (assim como Cromartie); 2 x 2 - Tiago; 1 x 3 - JP; 3 x 1 - Pai e 3 x 2 - Leonardo Redenção.

Marcadores:

Na Última Vez ...

sexta-feira, outubro 16, 2009

Serie A volta com rodada imperdível


Missão cumprida - com a Azzurra classificada para a Copa do Mundo da África do Sul, a Serie A volta neste final de semana com a sua 8ª rodada.
E, que rodada vai ser!
Para começar, no sábado, com início programado para as 13h00 (horário de Brasília) e transmissão da ESPN, ESPN HD, RAI, TV Esporte Interativo e Gazeta, tem Juventus x Fiorentina.
Se não bastasse a grande rivalidade que envolve historicamente as agremiações, ambas as equipes aparecem com 14 pontos na classificação, ou seja, o vencedor por até terminar a rodada ... líder!
Sem Del Piero e Marchisio, Ferrara deve mandar a campo, inicialmente, Diego (à direita - Getty Images) alle spalle de Amauri e Iaquinta, com o ex Felipe Melo formando o centrocampo ao lado de Camoranesi e Poulsen.
Do lado viola, Prandelli deve utilizar também os ex Marchionni e Zanetti desde o início, tendo Gilardino, autor de 4 gols nos 2 últimos compromissos da Itália nas Eliminatórias, como terminal ofensivo do esquema 4-2-3-1.
Vai dar tempo só para mudar a posição no sofá, porque às 15h45 (sempre horário de Brasília) começará Genoa x Internazionale, mais duas equipes que figuram na parte alta da tabela (o Grifone aparece na 5ª colocação com 13 pontos, enquanto a Beneamata é a líder com 16).
Se Mourinho não poderá contar com os ex Milito e Thiago Motta (e também com Eto'o), Gasperini deve usar Crespo (à esquerda - Getty Images) ao lado de Palacio e Sculli no ataque rossoblù, tendo ainda Rossi e Modesto como esterni di centrocampo e Zapater e Milanetto fechando o meio.
Pela Inter, com os brasileiros Júlio César, Maicon e Lúcio confirmados na defesa, o tandem ofensivo deve ser formado por Balotelli e Suazo (cuja Honduras também assegurou vaga à próxima Copa do Mundo), com a novidade Arnautovic (vide http://calcioseriea.blogspot.com/2009/08/quem-vem-la-parte-i-marko-arnautovic.html) podendo partir do banco.
A partida do Luigi Ferraris será transmitida, ao vivo, por ESPN HD, SporTV, RAI, TV Esporte Interativo e Gazeta.
No domingo, lembrando que os relógios devem ser atrasados em uma hora em boa parte do território brasileiro, às 11h00 (horário de Brasília) é a vez de Lazio x Sampdoria na ESPN Brasil, ESPN HD, SporTV2 e RAI.
No mesmo horário, jogam ainda Catania x Cagliari; Chievo x Bari; Livorno x Palermo; Napoli (estreando seu novo treinador Mazzarri) x Bologna; Parma x Siena e Udinese x Atalanta.
Acabou? Que nada, ainda falta o 'Match Clou' Milan x Roma, posticipo da rodada com início às 16h45 (horário brasileiro de verão) e cobertura, ao vivo, de ESPN, ESPN HD, RAI e TV Esporte Interativo.
Quem perder algum desses grandes jogos, pode conferir os horários alternativos consultando http://www.trivela.com/Transmissao.aspx.
Precisa mais?

quarta-feira, outubro 14, 2009

Gli Azzurri


L'Italia è in Sud Africa! E, apesar de não ter mostrado um futebol exuberante, a classificação veio com uma rodada de antecedência, ainda no sábado, depois que a Azzurra empatou em 2 x 2 com a Irlanda em Dublin.
Mas o confronto contra o selecionado treinado por Trapattoni não foi nada fácil, porque, empurrados por 80.000 intrépidos torcedores, The Boys in Green começaram avassaladores, impondo um ritmo muito forte à partida e abrindo o marcador aos 8' com o meia Whelan, que acertou um belo chute de fora da área em jogada ensaida pelo ex coach azzurro.
Armada no 4-2-3-1 com Pirlo vértice alto entre os externos Camoranesi e Di Natale, com apenas Iaquinta na frente, a Itália começou muito tímida e foi inteiramente dominada nos primeiros 20', concluíndo a gol pela primeira vez apenas aos 25', quando Grosso acertou uma plástica conclusão que acabou defendida sem maiores problemas pelo arqueiro Given.
Só que no minuto seguinte o goleiro do Manchester City não conseguiu segurar a cabeçada de Camoranesi (acima seguro com Kilbane - Asphoto), que aproveitou um escanteio cobrado por Pirlo para empatar a partida.
O pareggio não alterou o estado de ânimo dos irlandeses, que continuaram a spingere, sem, porém, levar maior perigo a meta defendida por Buffon.
No 2º tempo a Itália voltou mais viva e logo marcou com Chiellini, mas o árbitro norueguês Hauge anulou o tento por impedimento de Iaquinta, que realmente pareceu um pouco avançado.
A partida seguiu equilibrada até que aos 41' o zagueiro St Ledger colocou de novo a Irlanda na frente, levando o público do Croke Park ao delírio.
Porém, aos 45', Pepe (que havia entrado no minuto anterior!) puxou um contra-ataque rapidíssimo e serviu Iaquinta, que encontrou Gilardino dentro da área, com o avante viola colocando no contra-pé do arqueiro Given (acima, à esquerda, o lance decisivo - Asphoto) para assegurar a classificação italiana à próxima Copa do Mundo.
Já nesta quarta, com um time bastante modificado, com l'undici totalmente novo (ao lado a formação azzurra - Asphoto), a Itália fechou sua participação nas Eliminatórias fazendo 3 x 2 na seleção do Chipre no Ennio Tardini de Parma.
Apesar da pouca expressão do adversário (que, não obstante, terminou a frente de Montenegro e Geórgia no Grupo 8), a Itália se apresentou muito mal e correu sério risco de sofrer uma derrota histórica, vez que Okkas (aos 12') e Michail (aos 48') deixaram os chipriotas com uma boa vantagem no placar.
Só que, faltando menos de 15' para o final, Gilardino (ao lado contra Okkas - Asphoto) resolveu salvar o orgulho italiano e realizou uma inédita tripletta, virando o placar para 3 x 2 para os azzurri, que assim terminaram a fase eliminatória invictos, com 7 vitórias e 3 empates, bem como 6 pontos de vantagem sobre a 2ª colocada Irlanda...
Se a seleção principal, mesmo não jogando (nada) bem, conseguiu seu objetivo, pior está a U 21 comandada por Casiraghi, que apenas empatou com a Bósnia nesta terça por 1 x 1 em Mantova e agora está 9 pontos atrás de Galles que, porém, fez 2 jogos a mais.
Dispostos no 4-3-3 e com vários jogadores que atuam na Serie A, dentre eles o interista Balotelli, os azzurrini foram muito mal e mesmo tendo saído na frente com o gol de Marilungo aos 9', sofreram o empate ainda no 1º tempo, com Coric em grande jogada do ótimo Galesic.
Pouco criativa, a Under 21 ainda tentou pressionar na 2ª etapa, quando teve Marrone e Macheda em campo, mas não conseguiu furar o bloqueio bósnio e viu sua classificação para o Europeo da categoria ficar mais distante.

Marcadores: ,

Na Última Vez ...

L'Enigma


Com a Azzurra devidamente qualificada para a Copa do Mundo de 2010, no próximo final de semana retorna a Serie A, que terá sua 8ª rodada disputada entre sábado e domingo.
E, em grande estilo, a 'L'Enigma' quer saber como vai terminar o posticipo de domingo, nada menos que Milan x Roma!
O confronto, por sinal, ocorreu pela última vez recentemente, mais precisamente no dia 24 de maio último, quando a Roma fez 3 x 2 na despedida de Paolo Maldini (acima contemplando a comemoração de Totti, autor do último gol da peleja - Reuters) do Giuseppe Meazza.
E agora, sem Maldini e com Totti ainda em dúvida, como vai terminar o clássico?
Vamos participar que todos ainda têm chances de ganhar os prêmios oferecidos pelo Calcio Serie A - uma flâmula oficial da Internazionale, igualzinha a da imagem ao lado, medindo 28 x 20 cm, e um exclusivo certificado do blog!
Aliás, a disputa está mesmo acirrada, conforme demonstra a classificação atualizada do III Desafio Calcio Serie A: 1º JP (5 pts); 2º Leonardo Mafra e Michel Costa (4); 4º Raphael Zerlottini (3) e 5º Afonso, Cyntia, Lucas, Marra e Sérgio André (1).

Marcadores:

Na Última Vez ...

segunda-feira, outubro 12, 2009

'B' Em Pílulas


* Por causa das partidas válidas pelas Eliminatórias para a Copa do Mundo da África do Sul, os jogos Ancona x Piacenza, Brescia x Gallipoli, Empoli x Triestina e Lecce x Reggina, válidos pela 9ª rodada da Serie B 2009/2010 e que seriam disputados neste final de semana, foram adiadas para o próximo dia 27;
* De qualquer maneira, o destaque do domingo foi a vitória do Padova sobre o Mantova por 3 x 0 (ao lado, Jidayi contra Caridi e Spinale - Gazzetta di Mantova), com gols de Italiano, Rabito e Cani;
* Agora, o time comandado por Sabatini ocupa a 3ª colocação, com 16 pontos;
* A liderança da competição continua com o Frosinone, embora os canarini não tenham ido além de um empate em 1 x 1 com o Crotone, tentos de Santoruvo (F) e Cutolo (C);
* Já a grande decepção da rodada ficou por conta do Torino, derrotado em casa pelo Modena por 1 x 0, gol de Tamburini aos 88';
* A Salernitana segue sendo a única equipe que ainda não venceu no campeonato, tendo, neste domingo, sido derrotada em casa pelo Cittadella por 2 x 1, gols de Fava Passaro (S), Pettinari (C) e Ardemagni (C).

Marcadores:

Na Última Vez ...

domingo, outubro 11, 2009

Você Sabia ...


* Que, com o empate em 2 x 2 obtido em Dublino contra a Irlanda neste sábado (abaixo, a comemoração de Gilardino após marcar o gol do empate definitivo - Getty Images), a Itália se classificou para a sua 17ª Copa do Mundo?
* Que a Itália apenas não participou de 2 dos 17 mundiais organizados pela F.I.F.A. até aqui - o de 1930, quando não se inscreveu, e o de 1958, quando não se classificou ao ficar atrás da surpreendente Irlanda do Norte no Grupo 8 das Eliminatórias da U.E.F.A. que ainda tinha Portugal?
* Que, assim como a Alemanha, a Itália só tem menos participações em Copas do Mundo do que o Brasil, único país a participar de todas as edições do evento?

Marcadores:

Na Última Vez ...
eXTReMe Tracker