Google
 
Web calcioseriea.blogspot.com

domingo, janeiro 17, 2010

O Jogo Da TV (Parte II) - Chievo x Juventus



Depois da bela vitória contra o Napoli na última quarta-feira pela Copa Itália, a Juventus voltou à sua rotina dos últimos tempos e perdeu mais uma pela Serie A, desta vez diante do Chievo por 1 x 0 no Marc'Antonio Bentegodi.
Pior é que o time (ainda) comandado por Ferrara não tem sequer o que recriminar, pois fez uma apresentação bem aquém, tanto que não conseguiu ameaçar seriamente o goleiro Sorrentino em hora nenhuma.
Com ambas as equipes armadas no 4-3-1-2, ao menos na teoria o jogo prometia ser envolvente, com vantagem para os visitantes, claramente dotados de jogadores com maior tasso tecnico.
Porém, disputado em um gramado bastante prejudicado, o que se viu foram os mandantes - órfãos de Pellissier - perigosos já em sua primeira descida, com Buffon evitando gol de Abbruscato, atacante ex ... Torino!
Com a inédita dupla formada por Del Piero e Paolucci na frente, a Vecchia Signora parecia uma arremedo de time de futebol e o Chievo, vindo de 4 derrotas consecutivas, percebeu a oportunidade e se lançou em busca dos 3 pontos, passando a pressionar a Juventus em seu próprio campo.
Assim, as chances começaram a aparecer e, aos 27', Pinzi cruzou da esquerda e Chiellini (acima perseguindo Rigoni - Serra) jogou contra o próprio patrimônio ao tentar cortar o cruzamento, sendo salvo pelo assistente Copelli, que avisou ao árbitro Valeri da trattenuta de Abbruscato às custas do zagueiro bianconero.
Mas nem assim o alarme soou na caserna juventina e aos 33' o lateral Sardo limpou De Ceglie sem maiores dificuldades (na foto ao lado, o jovem juventino, dessa vez, leva a melhor sobre o clivense - Serra) e arriscou de média distância, com o portentoso tiro cruzando a área para entrar no canto oposto de Buffon, sem chances para o arqueiro de Carrara.
Na etapa final a Juventus até que voltou mais disposta, com Ferrara inserindo Salihamidzic no posto de Grosso, recuando De Ceglie para a lateral até então ocupada pelo tetracampeão mundial, mas as poucas chances criadas se resumiram a cobranças de falta de Del Piero - e nenhuma, a bem da verdade, capaz de obrigar Sorrentino a sujar o uniforme.
Assim, apesar de ter terminado o confronto com 65,9% da posse de bola e 56,4% de vantaggio territoriale, a Juventus em nenhum momento ameaçou a vitória gialloblù, com o Chievo administrando perfeitamente a vantagem obtida merecidamente na etapa inicial.
Aliás, o atacante Paolucci (ao lado entre Yepes e Mantovani - Serra), recém contratado por empréstimo junto ao ... lanterna Siena, só tocou 15 vezes na bola durante os 90', o que dá uma idéia da falta de incisividade da Juventus.
E o tabellino da histórica 1ª vitória do Chievo sobre a Juve (cujos melhores momentos podem ser visualizados no vídeo disponível ao final do post) ficou assim:
Chievo: Sorrentino; Sardo (83' Frey), Mandelli, Yepes, Mantovani; Luciano, Rigoni, Marcolini, Pinzi; Abbruscato (86' Ariatti), Granoche (70' De Paula). All. Di Carlo.
Juventus: Buffon; Grygera (34' Zebina), Cannavaro, Chiellini, Grosso (58' Salihamidzic); Marchisio (83' Immobile), Felipe Melo, De Ceglie, Diego; Paolucci, Del Piero. All. Ferrara.
Gol: 33' Sardo.
Árbitro: Valeri.
Cartões amarelos: Granoche, Yepes, Zebina, Felipe Melo e Ariatti.

video

Marcadores: , , , ,

Na Última Vez ...
eXTReMe Tracker