Google
 
Web calcioseriea.blogspot.com

domingo, setembro 30, 2007

O Jogo Da TV (Parte IV) - Torino x Juventus



Completando a 6ª rodada da temporada 2007/2008 da Serie A, foi disputado o 222º Derby della Mole (o de número 158 pelo campeonato italiano) - o tradicional confronto entre as equipes de Turim.
A versão hodierna de um embate tão tradicional (disputado pela 1ª vez exatamente em 1907!) foi uma partida eminentemente tática, com poucas emoções, mas rica em intensidade e agonismo.
Vieram da sponda juventina as novidades pré-partida, com Ranieri postando o avançado Palladino no lugar do central argentino Almiron - relegado ao banco -, enquanto Chiellini foi compor a zaga com Legrottaglie e Molinaro (ufa!) deslocado à lateral esquerda.
No ataque, a dupla da incrível marca de 236 gols na Serie A - Del Piero (à direita, no alto, perseguido por Dellafiore - La Presse - 135) e Trezeguet (101).
Pelo lado granata, uma pena a já esperada ausência do habilidoso Rosina, que formaria uma dupla interessante ao lado do Chino Recoba (abaixo contra Legrottaglie - La Presse), que acabou compondo o ataque com Ventola.
Apesar das posturas táticas não particularmente defensivas, o 1º tempo restou caracterizado por "grande pressing, aggressività totale a centrocampo, rinuncia quasi preconcetta alla fase offensiva" (Gazzetta dello Sport), com as equipes insistindo quase que unicamente em lançamentos longos na busca de Ventola ou, do outro lado, por Trezeguet.
O 2º tempo começou melhor e o uruguaio ex-Inter Alvaro Recoba logo acertou um petardo no seu melhor estilo, defendido por Buffon, que teve que logo mostrar novamente seus incríveis dotes elásticos em uma conclusão de Comotto (abaixo o capitão granata contra um grintoso Nedved - Newpress) em seguida.
Apesar de não ter sido incrivelmente melhor, o 2º tempo foi mais animado, ainda que a equipe bianconera tenha deixado a impressão de estar surpreendentemente assustada com a responsabilidade de disputar um Derby depois de alguns anos, com o solo Palladino demonstrando gana de vencedor, enquanto no Torino, melhor nesta fase do jogo, Il Genio Corini chamava a responsabilidade para si e Paolo Zanetti caía pela direita perigosamente.
Porém, o aviso foi dado aos 41', quando Nedved, servido por Del Piero, desperdiçou uma chance incrível na frente de Sereni.
Aí, já nos acréscimos, mais precisamente aos 48' da 2ª etapa, aconteceu o lance decisivo e mais controvertido da partida: o mediano Almiron (que havia entrado no lugar de Cristiano Zanetti) lançou a bola na direção da área granata, onde Trezeguet estava em clara posição de impedimento. Porém, no interregno entre o argentino e o francês apareceu a cabeça do zagueiro Dellafiore, que acabou ajeitando a bola para a mortífera conclusão de Trezeguet, que não havia aparecido na partida até então.
E aparecer antes para quê? Afinal, a Juventus terminou vitoriosa por 1 x 0 e é vice-líder a 1 mísero ponto da Inter!
Tabellino:
Torino: Sereni; Comotto, Natali (69' Rubin), Dellafiore, Lanna; Grella, Corini, Barone, P. Zanetti (76' Motta); Ventola (88' Bjelanovic), Recoba. All. Novellino.
Juventus: Buffon; Grygera, Legrottaglie, Chiellini, Molinaro; Nocerino, C. Zanetti (69' Almiron), Palladino (79' Salihamidzic), Nedved; Del Piero, Trezeguet. All. Ranieri.
Gols: 93' Trezeguet.
Árbitro: Rocchi.
Cartões amarelos: Grella, Natali, C. Zanetti, Barone, Nocerino, Bjelanovic, Nedved e Trezeguet.

Marcadores: , , , ,

Na Última Vez ...

2 Comments:

At 8:58 AM, Blogger Lady Cyntia said...

Gostei do seu texto. Com um toque de humor. Apareceer para quê?! rs

Olha, o Recoba parece que 'reaprendeu' a jogar bola. Quero dizer, a transferência dele para o Toro foi capital para isso. Afinal, passou anos sem jogar... e agora joga com continuidade. Di Michele apereceu nas tribunas, você viu? Quando ele volta da suspensão?

Impedimento que nada! Mas bem que achei que o jogo acabaria empatado. Sofrível transmissão. Não posso deixar de comentar. Saudades do Lancellotti.

Abraços e excelente fim de semana!

 
At 10:12 AM, Blogger Rodolfo Moura said...

Cyntia,
Que bom que você gostou do texto!
Quanto as suas ponderações, acho que a transferência para o Torino foi ótima para o Recoba, que considero um grande jogador, mas não suficientemente excepcional para ser titular da Inter.
Também vi o Di Michele na tribuna - a suspensão do mesmo termina no próximo dia 30 e depois disso o atacante será, certamente, um bom reforço para o Toro.
Agora, quanto ao gol do Trezeguet, na minha opinião foi ilegal, vez que o francês tirou vantagem da posição de impedimento em que se encontrava na hora do lançamento.
Abraços,

 

Postar um comentário

<< Home

eXTReMe Tracker