Google
 
Web calcioseriea.blogspot.com

quarta-feira, janeiro 06, 2010

O Jogo Da TV (Parte IV) - Milan x Genoa



O recesso de final de ano fez muito bem ao Milan, que, depois de cair (merecidamente) diante do Palermo em pleno San Siro no último jogo disputado pelos rossoneri em 2009 (lembrando que o confronto válido contra a Fiorentina pela 17ª rodada acabou adiado), simplesmente atropelou neste domingo o Genoa com uma atuação travolgente que resultou no dilatado placar de 5 x 2.
Efetivamente, o posticipo della 18ª giornata foi um dos melhores espetáculos da temporada 2009/2010 da Serie A até aqui, com ótima movimentação de ambas as equipes e nada menos do que 25 conclusões a gol (sendo 16 do Milan)!
Aliás, a festa começou antes mesmo da bola rolar com a entrada em campo do inglês David Beckham, de volta ao Milan depois da ótima passagem na temporada passada e logo inserido por Leonardo na formação rossonera, alterada para um 4-3-1-2 em decorrência do forfait de Pato, visto nas tribunas.
Outra surpresa de última hora foi a escalação de Gattuso ao lado de Pirlo e Ambrosini no meio de campo milanista, vez que Ringhio não começava partia como titular havia mais de 2 meses.
E, sem perder do Genoa em casa há mais de 50 anos, o Milan começou forte, com Beckham (ao lado marcado por Criscito - Cebrelli) aproveitando uma reposição errada de Amelia e acertando um daqueles seus cruzamentos certeiros para o avante Borriello, que de tacco exigiu uma grande defesa do arqueiro rossoblù logo aos 3'.
Com o capitão Rossi marcando individualmente Ronaldinho e disposto no usual (e audacioso) 3-4-3, o Genoa encontrou dificuldades para preencher os espaços por onde os rossoneri desciam e, aos 12', Biava derrubou ingenuamento Ambrosini dentro da área - penalidade máxima que Ronaldinho cobrou mal e Amelia segurou sem dar rebote.
O time de Leonardo, entretanto, continuou melhor, inspirado por um fulgurante Ambrosini, só que aos 25', em sua primeira descida perigosa, foi o Genoa que marcou, com Sculli concluindo de cabeça, desmarcado dentro da área, cruzamento do argentino Palacio.
Foi a vez do Milan mostrar serenidade e, aos 31', mais uma vez Beckham fez das suas, lançando Borriello, que fez o pivô para Ambrosini (à esquerda combatido por Mesto - Tanopress) entrar na área e, de novo, ser derrubado, desta vez pelo goleiro Amelia.
Ronaldinho se dirigiu à marca de cal e, com grande categoria, trocou de lado para empatar a partida aos 32'.
Bem melhor postado em campo e demonstrando grande determinação, o Milan quase virou em seguida, com Beckham surpreendendo Amelia em tiro que passou raspando a trave rossoblù.
Mas não demorou muito mais, pois aos 38', em grande blitz rossonera que resultou em 3 conclusões no espaço de poucos segundos, Thiago Silva anotou o tento da virada milanista, fazendo justiça ao que visto dentro de campo.
Veio o 2º tempo e Gasperini não conseguiu arrumar sua equipe de forma a conter (talvez fosse impossível mesmo!) o Milan, que continuou jogando de forma esplendorosa e aos 3', após lançamento magistral de Ronaldinho, Antonini entrou na área e, sem qualquer egoísmo, serviu para Borriello fazer 3 x 1.
O Genoa, então, tentou reagir, mas acabou mesmo foi se descuidando na retaguarda e, com o Milan disposto a divertir e fazer divertir, Antonini serviu para Borriello fazer o gol mais bonito da partida aos 15', com o atacante concluindo com uma sensacional e plástica sforbiciata (todos os gols da partida, em especial este, podem ser vistos no vídeo ao final do post)!
Em noite na qual quase tudo deu certo para o Milan, até Gattuso chegou perto de marcar, mas, frente-a-frente com o arqueiro Amelia, Ringhio mostrou que não tem mesmo cacoete de atacante e permitiu a defesa do goleiro do Grifone.
Mais alguns minutos e Ronaldinho (ao lado marcado por Biava - Tanopress) foi derrubado na área por Rossi, com R10 dando a primazia de cobrar o pênalti para Huntelaar, neste interregno substituto de Borriello, que escreveu 5 x 1 no placar.
No final, aplausos para Beckham, substituído por Jankulovski, e para Suazo, que mostrou que não esqueceu o caminho do gol (o hondurenho não marcava fazia quase 2 anos na Serie A!) realizando um belo tento aos 34' em sua estréia com o Genoa.
Já o tabellino da partida, cujo compacto um pouco mais detalhado pode ser assistido em http://www.youtube.com/watch?v=bgnJiHYsFMA, ficou assim:
Milan: Dida; Abate, Nesta, Thiago Silva, Antonini; Gattuso, Pirlo (65' Flamini), Ambrosini, Beckham (76' Jankulovski); Borriello (66' Huntelaar), Ronaldinho. All. Leonardo.
Genoa: Amelia; Biava, Moretti (38' Modesto), Criscito; Mesto (61' Zapater), Milanetto, Juric, Rossi; Palacio, Suazo (82' Crespo), Sculli. All. Gasperini.
Gols: 25' Sculli, 32' Ronaldinho (pênalti), 38' Thiago Silva, 48' Borriello, 60' Borriello, 74' Huntelaar (pênalti), 79' Suazo.
Árbitro: Orsato.
Cartões amarelos: Amelia, Ambrosini, Borriello, Rossi e Juric.

video

Marcadores: , , , ,

Na Última Vez ...
eXTReMe Tracker