Google
 
Web calcioseriea.blogspot.com

domingo, novembro 01, 2009

O Jogo Da TV (Parte III) - Sampdoria x Bari



Na partida que marcou a primeira vez de Cassano como adversário do seu Bari, o placar terminou inalterado.
Mas o 0 x 0, persistente, não saiu do marcador por falta de oportunidades ou por monotonia, muito ao contrário!
Depois da contundente goleada sofrida frente a Juventus no meio de semana, o allenatore blucerchiato Del Neri manteve o 4-4-2, mas revolucionou a equipe sacando 4 dos titulares em Turim e recuando o suíço Ziegler para a lateral esquerda.
Com o capitano Palombo dando maior consistência ao centrocampo ao lado jovem meia Poli (à direita contra Salvatore Masiello - Getty Images), Pazzini e Cassano ficaram mais livres para ocupar os espaços na frente.
E, assim, depois de um pressing iniziale do Bari de Ventura, disposto também no 4-4-2 com os rapidíssimos alas Alvarez e Langella bem abertos nas extremidades, quase como autênticos pontas, a primeira grande chance da partida foi de Cassano, que aproveitou uma roubada de bola de Poli e exigiu, já dentro da área, grande defesa do arqueiro Gillet, um dos destaques dos pugliesi.
Porém, o Bari não é só dono da melhor defesa do campeonato (apenas 7 os gols sofridos), como também é a única equipe mai battuta nei primi tempi.
Daí, depois de algumas investidas perigosas dos visitantes em contra-ataques rápidos, a Samp só conseguiu chegar novamente com perigo ao gol do Bari já aos 40', quando Cassano (ao lado contra Bonucci - Getty Images) cobrou uma falta com perigo e Gillet jogou para fora da área.
No início do 2º tempo a partida continuou divertida, com Cassano e Mannini exigindo boa intervenção de Gillet aos 6' e Alvarez desperdiçando ótima chance aos 7' para o time de Ventura (este e os demais lances importantes podem ser conferidos nos highlights ao final do post).
Alarme soado e Del Neri, preocupado com a lateral esquerda (por onde o hondurenho Alvarez descia em grande velocidade), colocou Accardi no lugar de Franceschini, retornando Ziegler para o meio de campo.
Por sua vez, Ventura trocou Kutuzov (ex di turno) por Meggiorini, dando maior freschezza ao ataque.
O jogo, então, entrou em uma fase de poucas emoções, até que, no finalzinho, reviravolta!
Para começar, aos 42' Cassano estufou as redes do Bari, mas como estava impedindo no momento do lançamento de Mannini, o árbitro Valeri muito bem invalidou o gol.
Aí, aos 45', Meggiorini primeiro se atrapalhou com a bola e depois acabou derrubado por Castellazzi dentro da área - pênalti para o Bari que Barreto chutou para fora (acima, a cobrança do brasileiro - Getty Images)!
Acabou? Que nada, o lance mais controvertido ainda estava por vir: cobrança de falta para a área blucerchiata aos 49', Barreto fez a sponda e Bonucci concluiu para o gol, que acabou anulado pelo árbitro Valeri por um suposto impedimento de Barreto, que não existiu.
Assim, o 5º resultado útil como visitante ficou estreito para o Bari.
O tabellino:
Sampdoria: Castellazzi; Cacciatore (65' Zauri), Gastaldello, Rossi, Ziegler; Mannini, Palombo, Poli (77' Tissone), Franceschini (54' Accardi); Pazzini, Cassano. All. Del Neri.
Bari: Gillet; A. Masiello, Ranocchia, Bonucci, S. Masiello; Alvarez, Donati, Almiron, Langella (87' Koman); Barreto, Kutuzov (55' Meggiorini). All. Ventura.
Árbitro: Valeri.
Cartões amarelos: Rossi, Langella, Poli, Accardi, Castellazzi e Donati.
No vídeo abaixo, também, sfogo de Cassano, ameaçando abandonar Gênova.

video

Marcadores: , , , ,

Na Última Vez ...

2 Comments:

At 6:42 PM, Blogger Mauricio said...

Olá meu amigo, está bem e você página deportiva.Saludos visitame.

 
At 12:30 AM, Blogger Rodolfo Moura said...

Prezado Mauricio,
Muito obrigado pela visita. Fique inteiramente à vontade para participar sempre que desejar!
Abraços,

 

Postar um comentário

<< Home

eXTReMe Tracker