Google
 
Web calcioseriea.blogspot.com

sábado, abril 18, 2009

O Jogo Da TV (Parte I) - Genoa x Lazio



Contra um Genoa que vinha de 4 vitórias consecutivas e está em plena corsa por uma das vagas italianas na próxima Champions League, a Lazio mostrou o quanto um sucesso no Derby Capitolino pode motivar e celebrou seu 2º sucesso consecutivo ao bater o time rossoblù por 1 x 0 em pleno Marassi.
Mas, jogando no seu habitual 3-4-3 com Jankovic (ao lado entre Diakhite e Dabo - Tanopress) como ponto de referência no tridente ofensivo diante da ausência do convalescente Milito (que foi visto junto aos torcedores na Curva Nord), foi o Genoa que começou melhor, com Biava exigindo grande defesa de Muslera logo aos 2', com Thiago Motta ainda concluindo para fora no rebote.
Já a Lazio, atuando no 4-4-2 com Lichtsteiner e Mauri como esterni di centrocampo e Zárate e Pandev no ataque, com Rocchi mais uma vez relegado a começar na panchina, só foi criar algo digno de nota aos 26', quando o ótimo Ledesma propiciou conclusão de Pandev, sendo a vez de Rubinho protagonizar ótima parata.
Com as equipes exercendo forte marcação no meio de campo, a partida passou por momentos de pouca emoção até que, aos 38', Rubinho mais uma vez salvou a squadra rossoblù saindo corajosamente e no momento certo sob Pandev, desta vez lançado por Mauri.
No lance, o atacante macedônio acabou se contundindo e teve que ceder o lugar a Rocchi, que já dentro de campo presenciou grande defesa do seu companheiro Muslera, que saiu nos pés de Sculli (à esquerda - Tanopress) para evitar o gol genoano aos 42', na última grande chance do 1º tempo.
Terminada a 1ª etapa sem gols (nada muito estranho, levando em consideração que Genoa e Lazio marcaram apenas 23 de seus 86 gols neste campeonato na 1ª metade das partidas), Gasperini voltou do intervalo alterando as posições de Jankovic e Palladino, passando o ex bianconero para o centro do ataque, com os mandantes praticando um pressing altíssimo.
Depois, enquanto Rossi teve que gastar mais de uma de suas alterações promovendo o ingresso de Siviglia no posto de Diakhite (sospeta distorsione alla caviglia sinistra), Gasperini lançou o uruguaio Olivera, disposto a solucionar a pouca objetividade do ataque rossoblù.
Porém, spingendosi in avanti, o Genoa ficou vulnerável na retaguarda e, aos 20', Palladino errou um passe e o lateral Kolarov foi rápido ao interceptar a bola e imediatamente lançar o argentino Zárate que, em velocidade, partiu do meio de campo até concluir na saída de Rubinho (acima - Getty Images) para realizar seu 12º gol na temporada.
O Genoa, que continuou com maior posse de bola (terminou com 55,7% neste quesito), persistiu encontrando muita dificuldade em acertar o último passe, pouco adiantando mais uma mexida tática de Gasperini, que desta vez passou Palladino para a direita e postou Olivera como punta centrale, deixando Jankovic à esquerda.
No final, depois que os treinadores exauriram suas substituições, as caimbras sentidas por De Silvestri e Biava evidenciaram o esforço das equipes, com a partida terminando com o Genoa no ataque, tendo o próprio Biava como trequartista, mas cabendo a Lazio ser mais perigosa nos contra-ataques, inclusive acertando uma bola na trave aos 47'!
O tabellino da emocionante peleja que definitivamente abriu a disputa pela última vaga italiana na UCL:
Genoa: Rubinho; Biava, Ferrari, Bocchetti; Mesto (67' M. Rossi), Thiago Motta, Juric, Criscito (74' Vanden Borre); Palladino, Jankovic, Sculli (62' Olivera). All. Gasperini.
Lazio: Muslera; De Silvestri, Diakhite (55' Siviglia), Rozenhal, Kolarov; Lichtsteiner, Dabo (74' Meghni), Ledesma, Mauri; Zárate, Pandev (41' Rocchi). All. D. Rossi.
Gol: 65' Zárate (vide o tento, os melhores momentos da partida e entrevistas com alguns de seus protagonistas, incluindo Maurito, no vídeo abaixo).
Árbitro: Saccani.
Cartões amarelos: Juric, Mauri, Biava e Kolarov.

video

Marcadores: , , , ,

Na Última Vez ...
eXTReMe Tracker