Google
 
Web calcioseriea.blogspot.com

sábado, novembro 07, 2009

O Jogo Da TV (Parte II) - Atalanta x Juventus



Em uma partida bella e rica de gols, a Juventus venceu a Atalanta em Bergamo por 5 x 2 e, com uma prova de caráter, mostrou que a derrota frente ao Napoli na rodada anterior já foi para o arquivo.
Porém, que o placar não engane, pois, apesar da bela apresentação bianconera, o embate foi equilibrado e a Atalanta só efetivamente se rendeu no final, quando a Juve conseguiu construir o punteggio finale.
Companheiro de Ferrara por uma década na própria Juventus, Conte lançou sua Atalanta em um ousado 4-4-2, com Garics e Bellini nas laterais, Ceravolo e Valdes como esterni di centrocampo e Doni e Tiribocchi no ataque, enquanto a Vecchia Signora entrou em campo em um mais prudente 4-2-3-1, com Camoranesi, Diego e Giovinco dietro a Trezeguet, único atacante de ofício (até por falta de opção, vez que Amauri, Del Piero e Iaquinta não estavam disponíveis).
Talvez até em razão de cada treinador conhecer muito bem as idéias do outro, a primeira meia hora da partida foi de grande equilíbrio, com as defesas levando vantagem sobre os ataques.
Porém, corta e vivace sulle fasce, fazendo um forte pressing sobre Felipe Melo e Poulsen, a equipe nerazzurra conseguiu criar as primeiras boas oportunidades, em especial uma aos 15', quando o chileno Valdes (acima, à direita, contra Camoranesi - Cerescioli) lançou Tiribocchi, que concluiu para fora na saída de Buffon.
Mas, depois que Doni finalizou com perigo para Buffon aos 33', a Juventus, até então estéril, resolveu acordar e, de um cruzamento de Grosso pela direita, Camoranesi subiu sozinho para testar e abrir o marcador aos 36'.
No minuto seguinte, Grosso novamente cruzou, desta vez da esquerda, a zaga rebateu mal e o ítalo-argentino, postado na meia lua, só teve o trabalho de colocar no canto de Consigli, fazendo 2 x 0 para a Juve!
A doppia vantagem arrefeceu a Atalanta, que só conseguiu reagir no início do 2º tempo, quando Guarente achou Valdes, que ganhou de Cáceres na corrida e fuzilou Buffon, fazendo 2 x 1 aos 6'.
A Juve, então, não se deixou tomar pelo fantasma da partida contra o Napoli e voltou a atacar decididamente, tendo 2 gols anulados por impedimento antes que, ainda aos 10', o brasileiro Felipe Melo (ao lado - Pegaso) pegasse o rebote e, com um belíssimo chute de média distância, ampliasse para 3 x 1.
Gara chiusa? Parecia, até que aos 26', em uma grande jogada que começou com Valdes e passou por Tiribocchi, Ceravolo realizou seu primeiro gol com a camisa bergamasca, abrindo novamente a partida.
Aí, foi a vez da Atalanta partir ao ataque em busca de um heróico pareggio, mas a Juventus, escolada com a virada partenopea da rodada anterior, foi quem decidiu a partida, primeiro com Diego (abaixo marcando Padoin - Cerescioli) aproveitando uma cochilada da defesa nerazzurra aos 39' e depois com Trezeguet aos 42', que festejou seu 167º gol in bianconero, se igualando a Sivori como o estrangeiro più prolifico della storia juventina.
E assim ficou o tabellino:
Atalanta (que teve 48,1% da posse de bola): Consigli; Garics, Talamonti, Peluso, Bellini; Ceravolo, Padoin, Guarente, Valdes; Doni, Tiribocchi (88' Madonna). All. Conte.
Juventus (por sua vez, detentora de 51,9% da posse de bola): Buffon; Cáceres, Cannavaro, Chiellini, Grosso; Poulsen, Felipe Melo, Camoranesi, Diego (89' Immobile), Giovinco (73' De Ceglie); Trezeguet. All. Ferrara.
Gols: 36' Camoranesi, 37' Camoranesi, 51' Valdes, 55' Felipe Melo, 71' Ceravolo, 84' Diego, 87' Trezeguet (os gols, melhores momentos e ainda uma entrevista com Trezegol podem ser visualizados no vídeo ao final do post).
Cartões amarelos: Padoin, Grosso, Doni, Guarente, Poulsen, Cannavaro, Bellini e Trezeguet.

video

Marcadores: , , , ,

Na Última Vez ...
eXTReMe Tracker