Google
 
Web calcioseriea.blogspot.com

quinta-feira, setembro 24, 2009

O Jogo Da TV (Parte II) - Genoa x Juventus



O 'Match Clou' da 5ª giornata, disputado nesta quinta-feira, foi um spettacolo.
Também, pudera, o Genoa, 4º colocado e empurrado por um Ferraris da applausi, entrou disposto a, contra uma Juventus a punteggio pieno, mostrar que a derrota frente ao Chievo na rodada anterior fora um mero tropeço e que a equipe tem sim condições de figurar dentre as primeiras colocadas.
Mas foi a Juventus de Ferrara - que armou o time bianconero no 4-3-2-1, com Camoranesi largo a destra e Iaquinta largo a sinistro dietro a Amauri, que começou melhor e conseguiu abrir o placar aos 6', em cruzamento de Marchisio que chegou a Iaquinta (ao lado marcado por Bocchetti - Cebrelli) depois de um belíssimo corta-luz de Camoranesi, com o atacante concluíndo com um potente chute cruzado no canto de Amelia.
O Genoa, disposto no habitual 3-4-3, mas più coperto com Mesto e Sculli formando o ataque ao lado de Floccari, sentiu o golpe e foi dominado por boa parta da 1ª etapa, período em que a Juve não ampliou devido, principalmente, a um Amauri pouco concreto sotto porta.
Porém, aos 31', o Grifone, que vinha até então explorando as laterais do campo sem sucesso, chegou ao empate exatamente em uma descida pela esquerda de Sculli, com o ala Mesto acertando uma cabeçada poderosa (e pouco usual para o ala) que entrou no gol defendido por Buffon.
O jogo, então, ganhou em dinamismo e foi disputado até o intervalo em ritmo altíssimo, sem, porém, alteração no placar.
No 2º tempo, o Genoa voltou com Crespo no lugar de Floccari, mas foi a Vecchia Signora que começou melhor, especialmente com um Marchisio muito inspirado, a ponto de deixar Rossi tonto antes de concluir ao gol de Amelia aos 8' e deixar Iaquinta cara-a-cara com o portierone rossoblù no minuto seguinte, com o avante bianconero perdendo o momento justo para concluir.
Aí, Gasperini, vendo sua equipe em dificuldade, sacou o ala Modesto e inseriu o zagueiro Papastathopoulos, passando o Genoa ao mais protegido 4-3-3.
A substituição demorou a surtir efeito, mas o Grifone, até por perceber que os atacantes bianconeri não eram em grande dia, foi crescendo e, aos 29', depois de uma boa conclusão de Sculli e de um gol anulado de Iaquinta (por um impedimento que, bem analisado, não houve), virou o marcador, com Crespo (mais acima contra Grosso - Tanopress) marcando de cabeça em cruzamento de Mesto.
Ferrara, então, revolucionou a Juventus trocando Marchisio (que sentiu o polpaccio) por Giovinco, que foi jogar de mezzapunta, e, logo em seguida, Amauri por Trezeguet.
Valorosa, a Juve foi efetivamente buscar novo empate aos 41', não sem antes o árbitro Saccani ter anulado mais um gol bianconero, desta vez acertadamente.
Mas o que valeu começou com uma cobrança de falta de Grosso na intermediária, prosseguiu com Chiellini fazendo a torre para conclusão, quase em cima da linha e sempre de cabeça, de Trezegol (acima, o momento do arremate do francês - Reuters)!
Se interrompeu a série vitoriosa da Juventus (e também do técnico Ferrara, que vinha de 6 vitórias em 6 partidas na Serie A!), o empate no Marassi, ao menos, assegurou a Vecchia Signora a liderança da competição, assieme all'Inter.
O tabellino do empolgante embate, cujos highlights vão ao final do post, acrescidos de entrevista com Trezeguet:
Genoa: Amelia; Biava, Moretti, Bocchetti; Rossi, Milanetto (67' Kharja), Zapater, Modesto (62' Papastathopoulos); Mesto, Floccari (46' Crespo), Sculli. All. Gasperini.
Juventus: Buffon; Grygera, Legrottaglie, Chiellini, Grosso; Felipe Melo, Camoranesi, Poulsen, Marchisio (76' Giovinco); Amauri (79' Trezeguet), Iaquinta. All. Ferrara.
Gols: 6' Iaquinta, 31' Mesto, 74' Crespo, 86' Trezeguet.
Árbitro: Saccani.
Cartões amarelos: Bocchetti, Felipe Melo, Iaquinta e Rossi.

video

Marcadores: , , , ,

Na Última Vez ...
eXTReMe Tracker