Google
 
Web calcioseriea.blogspot.com

domingo, agosto 30, 2009

O Jogo Da TV (Parte II) - Roma x Juventus



Depois da inapelável vitória da Inter sobre o Milan no sábado, neste domingo foi a vez da Juventus, comandada por seus brasiliani, derrubar a Roma em plena capital italiana, delineando a corsa scudetto.
Se a Vecchia Signora vai dormir na liderança da Serie A, a Lupa, mesmo com nenhum ponto conquistado até aqui, não precisa se desesperar, porque os giallorossi non hanno demeritato, mas certamente pagaram un paio di ingenuità difensive, cruciais contra uma Juve muito atenta.
Com Júlio Sérgio no posto de Artur, tendo ainda De Rossi bem recuado, agindo na zona de Diego, com Menez dietro a Totti, a Roma fazia uma partida equilibrada até que, aos 25', Cassetti se atrapalhou todo em pleno círculo central e perdeu a bola para Diego, que arrancou em disparada até a área adversária, passando por Riise e tocando com peito do pé direito na saída de Júlio Sérgio para abrir o marcador.
E aí, quando a Juve, que entrou em campo distribuída no 4-3-1-2 com a surpresa Tiago (acima contrastato por Taddei - Getty Images) no posto de Camoranesi e Iaquinta no Del Piero, parecia que ia administrar a vantagem tocando a bola, foi surpreendida por um belíssimo gol de De Rossi, que encobriu Buffon aproveitando uma falta na intermediária cobrada rapidamente por Pizarro, enquanto Felipe Melo ainda reclamava da marcação do árbitro Rocchi.
Antes do intervalo, Amauri ainda acertou a trave de Júlio Sérgio e Totti desperdiçou uma ótima chance cara-a-cara com Buffon, coroando uma 1ª etapa muito movimentada e bem equilibrada.
No 2º tempo, a Juventus voltou mais disposta e, aproveitando do espaço concedido por uma Roma sbilanciata, foi padrona, criando várias oportunidades concretas de gol até que, aos 23', Iaquinta foi muito hábil em, rapidamente, ligar o lançamento de Cannavaro para Diego (acima marcado por Pizarro - Afp), que, na entrada da área, enganou Mexes com um drible de corpo e fuzilou seu compatriota Júlio Sérgio, colocando a Vecchia Signora mais uma vez em vantagem no marcador.
Spalletti, que já havia trocado Taddei por Tonetto, colocou então o atacante Vucinic no lugar do lateral Riise, passando a Roma ao 4-1-2-1-2 que, generosamente, passou a pressionar a Juve.
Embora sem muita coordenação, os giallorossi estiveram perto de empatar aos 33', quando Totti acertou a trave de um Buffon já vencido.
Mas foi a Juventus que, aproveitando de mais uma incerteza da defesa romanista, marcou, com Felipe Melo (ao lado contra Vucinic - Reuters) avançando sem ser incomodado do círculo central até a entrada da área giallorossa, de onde disparou um belíssimo chute rasteiro com o pé esquerdo, que entrou no canto de Júlio Sérgio para decretar o 3 x 1 final.
Il tabellino ficou assim:
Roma: Júlio Sérgio; Cassetti, Mexes, Burdisso, Riise (71' Vucinic); De Rossi, Taddei (46' Tonetto), Pizarro, Perrotta (81' Cerci), Menez; Totti. All. Spalletti.
Juventus: Buffon; Grygera, Cannavaro, Chiellini, De Ceglie (74' Legrottaglie); Tiago, Felipe Melo, Marchisio (62' Camoranesi), Diego (85' Poulsen); Amauri, Iaquinta. All. Ferrara.
Gols: 25' Diego, 35' De Rossi, 68' Diego, 93' Felipe Melo.
Árbitro: Rocchi.
Cartões amarelos: Tiago, De Rossi, Taddei, Diego, Perrotta, Marchisio e Grygera.
Abaixo, além dos highlights, uma entrevista com o regista Diego em ... português!

video

Marcadores: , , , ,

Na Última Vez ...
eXTReMe Tracker