Google
 
Web calcioseriea.blogspot.com

domingo, março 15, 2009

O Jogo Da TV (Parte IV) - Internazionale x Fiorentina



Foi uma Fiorentina bastante insidiosa que jogou de igual para igual contra a capolista Inter no San Siro, mas, ao contrário da sua adversária, a Viola não soube converter as chances criadas em gols e acabou derrotada por 2 x 0.
E foi exatamente a Fiorentina, jogando no 4-1-3-2 com Jorgensen à frente da defesa e Mutu e Gilardino no ataque, que teve a primeira grande chance de gol, aos 10', quando o ex rossonero puxou um contra-ataque velocíssimo e tocou para Mutu já dentro da área, com o romeno, na marca do pênalti, chutando em cima de Júlio César, que, não obstante a conclusão central do attaccante viola, saiu muito bem do gol.
Mas, a Inter, envergando pela última vez a camisa comemorativa do seu centenário, não titubeou e, em seguida, abriu o placar com o solito Ibrahimovic, que tentou acertar a bola com o pé (à direita - Inter), mas acabou marcando mesmo de cabeça, depois da rebatida de Frey.
Apesar dos protestos da Fiorentina por um suposto impedimento e mesmo por uma jogada perigosa do sueco, o gol foi validado pelo árbitro Orsato.
A Fiorentina bem que tentou responder logo, mas Júlio César fechou muito bem o ângulo e impediu que Gilardino, assistido por Felipe Melo, empatasse a partida aos 13'.
A partida prosseguiu bem disputada, com equilíbrio de ações, até que a Inter foi conseguindo manter um maior controle da posse de bola e dominou os homens de criação da Fiorentina, que foi para o intervalo encontrando dificuldades para criação de jogadas.
No 2º tempo, com Figo tendo entrado no posto de Chivu, Cambiasso (ao lado preparando um passe longo - Inter) festejou sua 200ª partita nerazzurra improvisado de central e a squadra interista perdeu algo do equilíbrio tático alcançado na etapa preliminar, permitindo a Fiorentina uma predominância territorial.
Porém, com um Mutu pouco inspirado, capaz de, por exemplo, desperdiçar um excelente contropiede com superioridade numérica, chutando cruzado para fora do gol quando tinha Gila sozinho em ótima condição, a squadra gigliata prosseguiu sem conseguir concretizar suas chances, mesmo com a Inter demonstrando evidente cansaço.
Prandelli, então, partiu para o tudo ou nada e colocou sangue novo inserindo Jovetic, Donadel e Bonazzoli, enquanto Mourinho resolveu garantir o resultado trocando Balotelli por Mancini e Stankovic por Rivas.
Melhor para o lusitano, que foi expulso ao reclamar de uma falta sofrida por Santon (ao lado contra Mutu - Reuters), protagonista da 2ª etapa por cometer uma infração criminosa em Comotto (vide os highlights ao final do post) e por desperdiçar uma grande oportunidade de marcar seu 1º gol na Serie A frente-a-frente com Frey, mas que viu, da entrada dos vestiários, Ibrahimovic marcar seu 17º tento na competição cobrando violentamente um falta a 32 metros de distância que entrou junto ao travessão de um non esente da responsabilità Frey.
O tabellino de mais uma vitória da pragmática Beneamata:
Inter: Júlio César; Maicon, Samuel, Chivu (46' Figo), Santon; Zanetti, Cambiasso, Muntari, Stankovic (85' Rivas); Ibrahimovic, Balotelli (83' Mancini). All. Mourinho.
Fiorentina: Frey; Comotto, Gamberini, Koldrup, Vargas; Jorgensen (81' Donadel), Kuzmanovic (75' Jovetic), Felipe Melo, Montolivo (84' Bonazzoli); Mutu, Gilardino. All. Prandelli.
Gols: 11' Ibrahimovic, 94' Ibrahimovic (o vídeo ao final do post também traz interessante entrevista com o astro sueco).
Árbitro: Orsato.
Cartões amarelos: Balotelli, Samuel, Felipe Melo, Muntari, Santon e Júlio César.

video

Marcadores: , , , ,

Na Última Vez ...
eXTReMe Tracker