Google
 
Web calcioseriea.blogspot.com

quarta-feira, setembro 24, 2008

O Jogo Da TV - Genoa x Roma



Super Milito! Com grande atuação do El Principe, o Genoa impôs à Roma a sua 2ª derrota stagionale (lembrando que em toda a temporada passada foram apenas 4 derrotas) e, pior, evidenciou que a regularidade almejada por Spalletti para seus comandados ainda está longe.
Sem a dupla de zaga titular (Mexes pelo menos ficou no banco) e também sem Cassetti, Júlio Baptista, Pizarro e, principalmente, Totti, a Lupa Capitolina entrou em campo no 4-1-4-1, com Loria e Panucci como zagueiros, De Rossi, Brighi, Perrotta, Taddei e Menez no meio de campo, com Vucinic no ataque.
No Genoa, distribuído no 3-4-1-2, Gasperini optou por deixar o belga Vanden Borre in panca, lançando Juric no meio e Gasbarroni como trequartista, tendo Milito e Sculli na frente.
E foi exatamente o veloz atacante di scuola Juve o primeiro protagonista da partida ao receber um lançamento preciso de Gasbarroni sob total desatenção de Riise e tocar por cima de Doni, abrindo o marcador para a equipe rossoblù ainda aos 4' (foto ao lado - La Presse).
A Roma, então, teve dificuldade para reagir, com o Genoa mais coordenado em campo e chegando com mais facilidade à área adversária, com l'argentino Milito sempre perigoso.
Porém, aos 28', su una punizione de Cicinho, De Rossi cabeceou duas vezes (a primeira foi defendida por Rubinho) para empatar a partida (à esquerda a conclusão vincente - Grazia Neri).
Daí, o jogo ralentou até a ida das equipes para o vestiário, com Gasperini, antes de completado o primeiro terço da 2ª etapa, feito entrar Palladino e Olivera nos lugares de Gasbarroni e Sculli.
As alterações logo deram resultado e aos 16' Milito aproveitou uma cabeçada de Modesto para, em posição, regular, começar o seu show particular, colocando o Genoa novamente na dianteira no placar.
Em seguida, dois lances selaram a sorte da partida: aos 21' Panucci marcou (ao lado - La Presse) o que seria o gol de empate giallorosso, mas o árbitro Brighi, atendendo a marcação de seu assistente Biasiutto, apontou um impedimento inexistente do defensor.
Depois, aos 24', De Rossi foi expulso por uma falta no meio de campo sobre Palladino, deixando a Roma com apenas 10 homens em campo.
Spalletti foi até audacioso, colocando Okaka, Aquilani e Montella nos postos de Taddei, Perrotta e Menez, mas foi o Genoa que chegou a mais um tento, novamente marcado por ele, El Principe Milito (abaixo sua comemoração após seu 1º gol - Reuters), que concluiu bela jogada de Palladino.
No final, vitória rossoblù merecida, evidenciada pelo confronto dos números de Milito (2 gols, 2 tiri in porta, 3 tiri totali e 95,45% de acertos nos passaggi positivi) e Vucinic (0 gol, 0 chutes no gol, 2 tiri totali e 57,69% só de acertos nos passaggi positivi) na partida.
O tabellino ficou assim:
Genoa: Rubinho; Biava, Ferrari, Criscito; Juric, Milanetto, Rossi, Modesto (79' Mesto), Gasbarroni (56' Palladino); Sculli (59' Olivera), Milito. All. Gasperini.
Roma: Doni; Cicinho, Loria, Panucci, Riise; De Rossi, M. Brighi, Perrotta (78' Aquilani), Taddei (76' Okaka), Menez (84' Montella); Vucinic. All. Spalletti.
Gols: 4' Sculli, 28' De Rossi, 61' Milito, 88' Milito.
Árbitro: C. Brighi.
Cartões amarelos: Perrotta, Menez, Criscito, De Rossi, Cicinho, Juric, Loria, Olivera e Aquilani.
Cartão vermelho: De Rossi.
Abaixo, compacto da interessante partida!

video

Marcadores: , , , ,

Na Última Vez ...
eXTReMe Tracker