Google
 
Web calcioseriea.blogspot.com

terça-feira, janeiro 16, 2007

Momento Panini - Fernando Couto



A 'Momento Panini' desta semana homenageia um jogador - Fernando Couto - e, principalmente, um clube - o Parma.
Fundado em 1913, o Parma Foot Ball Club somente conseguiu chegar à Serie A (então com a denominação de Parma Associazione Calcio S.p.A.) na temporada 1990/1991, mas, desde aí, nunca mais deixou-a.
Inclusive, obteve um histórico 2º lugar na temporada 1996/1997, além de dois 3ºs e outros dois 4ºs postos, nunca tendo terminado além do 10º lugar até a temporada 2005/2006, quando, já financeiramente abalado com o crack sofrido pela Parmalat, teve que enfrentar um spareggio salvezza com o Bologna para escapar do rebaixamento.
Na temporada passada, após um primeiro turno muito ruim, a equipe se recuperou e terminou conquistando uma vaga para a Copa U.E.F.A. (torneio que já conquistou duas vezes!) com a 7ª colocação alcançada.
Porém, nesta temporada, apesar dos esforços do técnico Pioli, o Parma está caminhando a passos largos para a Serie B, tendo conquistado apenas 12 pontos em 19 jogos (2 vitórias, 6 empates e 11 derrotas).
E o jogador mais representativo do atual elenco do Parma é o zagueiro português Fernando Manuel Silva Couto que, ao final desta temporada, deve encerrar seu 2º ciclo na equipe emiliana e a própria carreira.
Nascido em 02 de agosto de 1969 na cidade de Espinho (cidade litorânea ao norte de Portugal), Fernando Couto foi contratado pelo Parma em 1994, junto ao Porto, logo conquistando a Copa U.E.F.A. em cima da poderosa Juventus, com uma equipe que foi assim a campo: Bucci; Benarrivo, Di Chiara, Fernando Couto, Susic e Minotti; Fiore, Dino Baggio e Crippa; Zola e Asprilla.
Depois de mais uma temporada (figurinha acima) no Parma, Couto foi defender as cores do Barcelona, onde foi campeão espanhol antes de retornar à Itália, desta vez para a Lazio na temporada 1998/1999.
Em 7 temporadas na cidade de Roma, conquistou o posto de capitão laziale e completou 145 jogos pela Serie A (aos quais devem ser acrescidos os 39 realizados na 1ª passagem pelo Parma).
Em 2005, aos 36 anos, retornou ao Parma (figurinha ao lado), onde fez mais 30 jogos até aqui.
Jogador vigoroso e raçudo, que sonhava ser ginecologista quando criança, foi capitão da seleção portuguesa durante vários anos, tendo completado 110 partidas com a camisola lusitana.
Que o final da carreira de Fernando Couto não seja o término da história vitoriosa de um dos clubes mais surpreendentes da Europa!

Na Última Vez ...

2 Comments:

At 6:07 PM, Blogger Lady Veronese said...

Couto me dá arrepios quando entra em campo. É o melhor adversário, porque adora marcar gols contra e ser expulso de campo!

 
At 6:38 PM, Blogger Rodolfo Moura said...

Cyntia,
Concordo com você, apesar de achá-lo um bom jogador, o Fernando Couto peca por, vamos assim dizer, ser muito voluntarioso...
Abraços,

 

Postar um comentário

<< Home

eXTReMe Tracker