Google
 
Web calcioseriea.blogspot.com

sábado, novembro 08, 2008

O Jogo Da TV (Parte II) - Bologna x Roma



Ficará para a história: no dia em que festejava sua 400ª partida na Serie A, o capitano giallorosso Francesco Totti teve a vitória de sua Roma negada ... por seu companheiro Cicinho, que fez um autogol escandaloso já nos acréscimos, dando números finais ao 1 x 1 do jogo Bologna x Roma.
Aliás, a estréia do sérvio Mihajlovic como treinador ficará registrada como uma partida muito disputada e equilibrada, mas com poucas emoções.
Com o retorno de Totti (à direita contra Carrus - La Presse), Spalletti optou por distribuir seus jogadores no 4-4-2, com Vucinic ao lado do capitano e um meio de campo sem os tradicionais alas, mas com Pizarro à frente de uma linha composta por De Rossi, Brighi e Perrotta.
No Bologna, revolução diante do esquema tradicionalmente aplicado por Arrigoni, com a equipe passando ao 4-5-1 com Zenoni e Lanna como laterais e uma linha de 5 no centrocampo, composta, da direita para a esquerda, por Adailton, Marchini, Carrus, Mudingayi e Valiani.
Depois de um começo morno, o ritmo da partida foi aumentando e o 1º tempo terminou com a Roma tutta in avanti.
E a 2ª etapa, que começou com Tonetto no lugar de Mexes (com Panucci passando para o centro da área), presenciou a Roma ainda mais aggressiva, forçando o Bologna a ficar recolhido a sua própria metade do campo.
Mas foi só aos 23' que saiu o primeiro zero do placar, com Totti acertando um destro violento de dentro da área (à esquerda - Ap), indefensável para o ex Antonioli.
Se Mihajlovic já havia trocado Adailton por Marazzina, inseriu ainda Coelho e Bernarcci nos lugares de Marchini e Valiani.
Pelo lado giallorosso, Spalletti foi obrigado a promover a estréia do goleiro brasileiro Arthur (ex Cruzeiro), vez que o titular Doni teve que ser substituído após um choque com o atacante Di Vaio.
Depois, quase no final, Totti deu lugar a Júlio Baptista e já comemorava a importante vitória construída exatamente com um gol seu (o 167º na Serie A), quando, nos acréscimos, Cicinho mergulhou com tudo (à direita - Grazia Neri) para afastar um cruzamento e acabou colocando a bola dentro do próprio gol romanista.
Delírio no Dall'Ara, que ainda quase viu a virada rossoblù sobre os atônitos giallorossi.
Mais aí seria demais...
O tabellino:
Bologna: Antonioli; Zenoni, Moras, Terzi, Lanna; Mudingayi, Carrus, Marchini (77' Coelho), Adailton (60' Marazzina), Valiani (82' Bernacci); Di Vaio. All. Mihajlovic.
Roma: Doni (65' Arthur); Cicinho, Mexes (46' Tonetto), Juan, Panucci; De Rossi, Brighi, Perrotta, Pizarro; Totti (86' Júlio Baptista), Vucinic. All. Spalletti.
Gols: 68' Totti, 91' Cicinho (contra).
Árbitro: Orsato.
Cartões amarelos: Mudingayi, Totti, Pizarro e Terzi.

Marcadores: , , , ,

Na Última Vez ...

2 Comments:

At 12:45 AM, Blogger JP said...

Rodolfo, de fazer inveja a qualquer avançado o cabeceamento do Cicinho não? ;)
Abraços

 
At 8:38 AM, Blogger Rodolfo Moura said...

JP,
Realmente, o Cicinho mergulhou cheio de estilo e testou de acordo com os melhores almanaques, pena que para o lado errado...
Falando sério, fiquei estarrecido quando aconteceu.
Abraços

 

Postar um comentário

<< Home

eXTReMe Tracker