Google
 
Web calcioseriea.blogspot.com

segunda-feira, setembro 27, 2010

O Jogo Da TV (Parte II) - Roma x Internazionale



O aguardado 'Match Clou' da 5ª rodada, a "sfida diventata la più spettacolare dell'ultimo lustro" na expressão da Gazzetta dello Sport, caminhava para um decepcionante 0 x 0, quando, já nos acréscimos, o atacante Vucinic foi extremamente corajoso para colocar a cabeça quase no pé de Lúcio e testar a bola para fazer o gol partita, que não só assegurou a primeira vitória da Roma na competição, como também evitou a fuga da Inter, com Benitez sofrendo sua primeira derrota na Serie A.
Com a Lupa postada no 4-4-2 com o francesino Menez (ao lado marcado pelo ex Chivu - Getty Images) no suporte de Borriello e Totti no ataque, Adriano relegado à panchina e a Inter no 4-2-3-1 com Pandev, Sneijder e Eto'o auxiliando Milito, a partida começou muito estudada e, fora um tiro de média distância de Stankovic, destaque só para as alternâncias de pressing - primeiro da Roma com Menez e Perrotta muito atentos e fechando os espaços com os mediani De Rossi e Pizarro e em seguida nerazzurro, que conseguiu um prolungato possesso palla até por volta dos 15'.
Aí, passou a incidir o (inédito ?) duelo dei uomini col casco, vez que ambos os laterais esquerdos jogaram com proteções na cabeça - enquanto o romeno Chivu aparentou nervosismo em excesso a ponto de receber o único cartão amarelo de toda a 1ª etapa, o norueguês Riise, explorando o espaço deixado por Maicon, se tornou o grande protagonista, demonstrando grande capacidade ofensiva face ao seu antigo técnico no Liverpool, o espanhol Rafa Benitez.
Assim, aos 19', protestos giallorossi pela entrada de Lúcio em Borriello (ao lado - Bruno) dentro da área, após Júlio César ter fechado o ângulo su Perrotta, lançado por Totti em jogada iniciada pelo próprio Riise.
Com Cassetti perseguindo Eto'o por todo o campo e Pizarro cercando Sneijder, a Inter continuou com dificuldade para criar e perigo mesmo só em chutes de média distância, como o de Stankovic aos 39', que encontrou o travessão de Lobont.
Já a Roma continuou contando com um excepcional Riise, que encontrou Totti sozinho dentro da área interista, mas Er Pupone acabou falhando no domínio e permitiu que a bola escoasse pela linha de fundo.
Veio o 2º tempo e Menez partiu com o cômpito de explorar a fragilidade de Chivu, que só não foi expulso logo no início da etapa complementar porque Morganti esmoreceu.
As equipes si allungano e as chances passaram a pipocar, com destaque para cabeçada de Cambiasso aos 5' e para a ótima jogada de Menez em cima de Chivu aos 10', que só não resultou em gol porque Borriello não conseguiu fechar a tempo dentro da pequena área, com a bola cruzando por toda a frente da meta de Júlio César que, mais uma vez, não foi impecável, propiciando até mesmo um tiro em dois toques para a Roma dentro da área, que Totti desperdiçou.
Benitez, então, sacou Milito e inseriu Muntari, passando a Inter ao 4-4-1-1, trocando depois Pandev por Coutinho, conseguindo conter o melhor momento da Roma que, já sem a mesma força física, muito contribuiu para a partida ficar feia, obrigando Morganti a distribuir cartões amarelos para conter o excesso agonístico de ambos os lados.
Na Roma, Ranieri tirou um deludente Totti (que saiu bastante contrariado e foi direto para o vestiário) para o ingresso de Vucinic e, conforme as câmeras flagraram, pretendia mandar o ex Adriano a campo nos minutos finais, mas o brasileiro resmungou algo e o treinador romanista acabou preferindo promover a entrada de Júlio Baptista no posto de Borriello.
Tudo pronto para a crise explodir? Que nada, pois Vucinic mergulhou quase no pé de Lúcio (acima o vôo decisivo do montenegrino - Getty Images) e fez foi explodir o Olimpico de alegria, com a Roma colocando fogo no campeonato!
O tabellino:
Roma: Lobont; Cassetti, N. Burdisso, Juan, Riise; Menez (88' Brighi), De Rossi, Pizarro, Perrotta; Borriello (88' Júlio Baptista), Totti (76' Vucinic). All. Ranieri.
Inter: Júlio César; Maicon, Lúcio, Cordoba, Chivu; Stankovic, Cambiasso, Pandev (74' Coutinho), Sneijder, Eto'o; Milito (67' Muntari). All. Benitez.
Gol: 92' Vucinic.
Árbitro: Morganti.
Cartões amarelos: Chivu, Stankovic, Cordoba, Cassetti, Perrotta, Pandev, N. Burdisso e Menez.
A seguir, os highlights do grande cotejo:

video

Marcadores: , , , ,

4 Comments:

At 12:33 AM, Blogger Braitner Moreira said...

Opa, e não é que acertei o placar!

 
At 12:40 AM, Blogger Rodolfo Moura said...

Braitner,
É verdade, meus parabéns - não só pelo acerto, mas também pela vitória sofrida!
Abraços,

 
At 7:47 AM, Blogger R-J said...

This win is essential to Roma in order to have chances for the title.
Saluti,
transfersaqueneutral.blogspot.com
(a blog about sports transfers)

 
At 10:35 PM, Blogger Rodolfo Moura said...

R-J,
Parabéns pelo blog, muitíssimo interessante!
'Saluti',

 

Postar um comentário

<< Home

eXTReMe Tracker